27°
Máx
13°
Min

Alemanha fatura dois ouros no primeiro dia de finais do remo

(Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil) - Alemanha fatura dois ouros no primeiro dia de finais do remo
(Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil)


Após ter os eventos programados para a última quarta-feira adiados em razão das condições climáticas adversas, o remo retomou nesta quinta a programação na Lagoa Rodrigo de Freitas com a disputa de seis finais. E quem mais se destacou foi a Alemanha, que faturou duas medalhas de ouro.

Os alemães se deram melhor na disputa masculina e feminina do four-skiff. O quarteto formado por Philipp Wende, Lauritz Schoof, Karl Schulze e Hans Gruhne venceu a disputa masculina com o tempo de 6min06s81, repetindo o ouro conquistado pela Alemanha na Olimpíada de Londres, em 2012. O pódio foi completado pelas equipes da Austrália, em segundo lugar, e da Estônia, na terceira posição.

Já na versão feminina, Annekatrin Thiele, Carina Bär, Julia Lier e Lisa Schmidla asseguraram o ouro em 6min49s39. A Holanda foi a segunda colocada, enquanto a Polônia ficou em terceiro lugar.

Na disputa masculina do dois sem, os neozelandeses Eric Murray e Hamish Bond repetiram o resultado de Londres-2012 e voltaram a ser campeões, com o tempo de 6min59s71. Os sul-africanos Lawrence Brittain e Shaun Keeling levaram a prata e os italianos Marco Di Costanzo e Giovanni Abagnale conquistaram o bronze.

As polonesas Magdalena Fularczyk-Kozowska e Natalia Madaj asseguraram o ouro no double-skiff feminino com o tempo de 7min40s10. As britânicos Victoria Thornley e Katherine Grainger, com a prata, e as lituanas Donata Vistartaite e Milda Valciukaite, com o bronze, também foram ao pódio.

Os croatas Martin Sinkovic e Valent Sinkovic se deram melhor na prova masculina, com a marca de 6min50s28. O lituano Mindaugas Griskonis e Saulius Ritter conquistaram a prata e os noruegueses Kjetil Borch e Olaf Tufte ficaram com o bronze.

Já na disputa do quatro sem peso leve masculino, o ouro foi para os suíços Lucas Tramer, Simon Schürch, Simon Niepmann e Mario Gyr, com 6min20s51. O quarteto dinamarquês levou a prata e a equipe da França faturou o bronze.