24°
Máx
17°
Min

Andy Murray é escolhido para ser porta-bandeira britânico na Olimpíada

(Foto: Philip Hall/ Usopen.org) - Andy Murray é escolhido para ser porta-bandeira britânico na Olimpíada
(Foto: Philip Hall/ Usopen.org)

O atual campeão olímpico de simples, Andy Murray, foi escolhido para ser o porta-bandeira da Grã-Bretanha na cerimônia de abertura da Olimpíada do Rio. A eleição foi feita por um grupo de atletas representantes de cada federação local, segundo informou a Associação Olímpica Britânica nesta quarta-feira.

Além de campeão olímpico e atual vice-líder do ranking mundial de tênis, Murray tem sido responsável por uma série de feitos históricos à Grã-Bretanha. Em 2013, por exemplo, ele quebrou um tabu ao conquistar Wimbledon - fazia 77 anos que nenhum tenista local vencia o troféu. E, em 2015, foi o líder da equipe britânica que conquistou a Copa Davis, algo que não ocorria há 79 anos.

"Esta é minha terceira Olimpíada e será uma competição muito especial para mim. Eu obviamente tenho grandes lembranças dos Jogos de Londres e estarei 100% focado para vencer aqui no Rio. O privilégio de ser porta-bandeira será um momento em que sempre lembrarei para o resto de minha vida, e certamente será um dos pontos altos de minha carreira", comemorou o tenista de 29 anos. "Espero deixar nossa equipe orgulhosa na sexta-feira (dia da abertura oficial) e desejo toda sorte possível aos atletas britânicos", completou.

Murray, que será cabeça de chave número 2 tanto nas simples quanto nas duplas - torneio em que atuará ao lado de seu irmão Jamie -, superou concorrentes como o ciclista Bradley Wiggins e a boxeadora Nicola Adams para tornar-se porta-bandeira.

"Quando pedi a Andy que liderasse nossa equipe, ele reagiu com uma humildade e uma elegância que refletem os valores da equipe britânica", disse Mark England, chefe de missão da equipe da Grã-Bretanha no Brasil. "A convicção com que Andy me falou sobre a honra de levar a bandeira demonstra porque se trata de um indivíduo excepcional. É uma eleição absolutamente correta."