24°
Máx
17°
Min

Após reunião no Rio, Wada tira Quênia de lista de países que não combatem doping

Foto: Divulgação - Após reunião, Wada tira Quênia de lista dos que não combatem doping
Foto: Divulgação

A Agência Mundial Antidoping (Wada, na sigla em inglês) retirou o Quênia da lista de países que não cumprem o código de conduta da entidade para combater o doping. A decisão foi anunciada nesta quinta-feira após o parlamento do país introduzir uma nova legislação para punir atletas cujos exames indicaram o uso de substâncias ilícitas.

A decisão aconteceu depois de uma reunião do chamado Quadro de Fundação, formado por 38 pessoas, no Rio de Janeiro. A reputação do Quênia ficou manchada após mais de 40 atletas do país serem flagrados no doping nos últimos quatro anos. Por conta disso, o Comitê Olímpico Internacional (COI) ameaçou deixar o Quênia de fora dos Jogos Olímpicos do Rio.

O país africano entrou, em maio passado, para a lista da Wada de países considerados ineficazes no combate ao doping. A Agência Mundial justificou que o governo local não estava alinhado com as regras antidoping. Entre os atletas punidos está a maratonista Rita Jeptoo, flagrada depois de receber US$ 500 mil como premiação por ter sido campeã do principal circuito de maratonas do mundo em 2014.