26°
Máx
19°
Min

Após sorteio, Brasil pode fazer as duas finais do vôlei de praia no Rio-2016

Foto: Marcelo Pereira/Exemplus/COB - Após sorteio, Brasil pode fazer as duas finais do vôlei de praia
Foto: Marcelo Pereira/Exemplus/COB

A fase de classificação do vôlei de praia dos Jogos Olímpicos do Rio foi encerrada nesta quinta-feira. Em cada naipe, 16 duplas avançaram às oitavas de final e um sorteio foi realizado para definir os confrontos e o chaveamento até as grandes decisões, marcadas para os dias 17 e 18 de agosto. As duas duplas brasileiras no masculino e as duas no feminino se classificaram e caíram em lados opostos da chave, propiciando a chance de o País conquistar ouro e prata nas duas competições da modalidade.

Na chave feminina, Larissa e Talita, primeiras no Grupo A com 100% de aproveitamento, terão pela frente nas oitavas de final a dupla Borghe/Buthe, da Alemanha, que derrotou Pazo/Agudo, da Venezuela, por 2 sets a 0 (21/13 e 21/8), nesta quinta-feira, na disputa de lucky loser (repescagem). Este confronto está na parte superior do chaveamento.

Ágatha e Bárbara, que terminaram em segundo no Grupo B, nas oitavas de final jogarão contra a dupla chinesa Wang/Yue, segunda no Grupo C, em jogo na parte inferior do chaveamento. A partir desta fase, que terá início nesta sexta-feira, todos os jogos passam a ser eliminatórios.

Na chave masculina, Pedro Solberg e Evandro, que terminaram em segundo no Grupo D, enfrentarão a dupla Liamin/Barsuk, da Rússia, segunda no Grupo B, em confronto na parte superior do chaveamento. Alison e Bruno Schmidt, que ficaram em segundo no Grupo A, terão pela frente a dupla espanhola Herrera/Gavira, primeira no Grupo F, em jogo na parte inferior do chaveamento.