22°
Máx
17°
Min

Após vitória, Alison e Bruno Schmidt 'festejam' dificuldades na estreia no Rio

(Foto: Divulgação/CBV) - Após vitória, Alison e Bruno Schmidt 'festejam' dificuldades
(Foto: Divulgação/CBV)

Vento forte, adversários em boa forma, placar apertado e a pressão da torcida em casa. A estreia de Alison e Bruno Schmidt nos Jogos do Rio teve um pouco de todos esses ingredientes. Líderes do ranking mundial do vôlei de praia, os brasileiros entraram na competição com o pé direito, vencendo os canadenses Josh Binstock e Sam Schachter por 2 sets a 0.

O placar revela que o jogo não foi tão fácil. As parciais foram de 21/19 e 22/20. O segundo set foi especialmente difícil, com jogadas duras e alguns bloqueios dos adversários sobre Alison. Os canadenses chegaram a ficar com um ponto de vantagem no fim do segundo set (20/19), mas os brasileiros aguentaram a pressão e viraram.

"Que bom que a estreia teve tudo. Teve vento, o adversário jogando bem, o placar lá em cima, isso puxa a nossa concentração. São coisas com as quais a gente só consegue se acostumar com o jogo. É muito importante para o nosso crescimento no decorrer da competição", disse Bruno Schmidt ao fim da partida.

Sobrinho do jogador de basquete Oscar Schmidt, ele agradeceu a torcida, mas admitiu que chegou a perder a concentração em alguns momentos. A longa fila para entrar na Arena de Vôlei de Praia em Copacabana - algumas pessoas relataram espera de uma hora - acabou fazendo com que a arquibancada não estivesse 100% cheia, mas ainda assim os torcedores fizeram barulho e impulsionaram a dupla. Alison vibrou muito e pediu empolgação à plateia.

O vento foi a principal reclamação dos jogadores no primeiro dia de jogos em Copacabana. "Atrapalhou o nosso time e vai atrapalhar outros. A bola acaba baixando um pouquinho, tive um pouco de dificuldade de entrar na bola e tomei uns dois bloqueios ali. Isso é normal", disse Alison.

Alison e Bruno esperam uma partida difícil contra os austríacos Doppler e Horst na próxima segunda-feira, às 15h30, depois que os dois foram derrotados pelos italianos Carambula e Ranghieri neste sábado. "É um time muito forte, que não estreou bem. Agora vamos descansar a cabeça, falar com familiares, amigos, porque amanhã já começamos a receber um batalhão de informações sobre a Áustria", disse Alison.

O ponto alto da entrevista de Alison após a partida, entretanto, ficou por conta de seus comentários sobre a cerimônia de abertura, quando o jogador tietou a modelo Gisele Bündchen. "Sinceramente a minha noiva vai ficar chateada, mas eu vi a Gisele Bündchen e ganhei minha noite. Ela é linda", disse com um sorriso. A dupla assistiu a cerimônia da abertura concentrada na Vila dos Atletas.