22°
Máx
14°
Min

Athos Schwantes perde para número 1 do mundo e encerra dia do Brasil na esgrima

A participação da esgrima brasileira na disputa individual e masculina parou na segunda rodada (Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB) - Athos Schwantes perde para número 1 do mundo e encerra dia do Brasil
A participação da esgrima brasileira na disputa individual e masculina parou na segunda rodada (Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB)

A participação da esgrima brasileira na disputa individual e masculina da espada nos Jogos Olímpicos do Rio parou na segunda rodada. Nesta terça-feira, após triunfar na estreia, Athos Schwantes perdeu para o francês Gauther Grumier por 15 a 7, na competição realizada na Arena Carioca 3.

O adversário do brasileiro era o líder do ranking mundial, enquanto ele ocupa apenas a 65ª colocação na lista. Mesmo assim, foi Schwantes que começou melhor o jogo, abrindo 4 a 1 ao fim do primeiro período. Mas ficou nisso, com o francês conseguindo a virada no segundo, para 5 a 4.

Depois, Grumier confirmou o seu favoritismo no terceiro período, fechando o marcador em confortáveis 15 a 7. Assim, avançou às oitavas de final. Já o brasileiro, que havia estreado com vitória sobre o checo Jiri Beran, foi eliminado.

"Na primeira pedreira (a estreia), mudei o jogo. Agora foi o contrário. Comecei na frente, senti que ele estava pressionado, mas mostrou porque é o primeiro do ranking, tem repertório muito grande", afirmou o brasileiro em entrevista ao SporTV, que agradeceu o apoio da torcida.

"Nunca vou esquecer na minha vida. Faz total diferença. Parecia um estádio de futebol", completou o esgrimista, que melhorou o seu desempenho em relação aos Jogos de Londres, em 2012, quando foi eliminado na sua estreia.

Além de Schwantes, o Brasil também foi representado na disputa individual da espada por Guilherme Melaragno e Nicolas Ferrerira. Mas eles foram eliminados logo no primeiro jogo.

A disputa da esgrima no Rio-2016 prossegue nesta quarta-feira. Na disputa masculina do sabre, Renzo Agresta vai estrear contra o georgiano Sandro Bazadze. Já no evento feminino do florete, Taís Rochel enfrentará a saudita Lubna Al-Omair, enquanto Bia Bulcão terá pela frente a romena Malina Calugareanu.