22°
Máx
14°
Min

Brasileiro dará primeira tacada do golfe na Olimpíada em 112 anos

(Foto: Saulo Cruz/Exemplus/COB) - Brasileiro dará primeira tacada do golfe na Olimpíada em 112 anos
(Foto: Saulo Cruz/Exemplus/COB)


O golfista brasileiro Adilson da Silva terá uma inesperada honra na quinta-feira: dar a primeira tacada em Jogos Olímpicos após 112 anos, no retorno da modalidade ao programa do evento, segundo anunciou a Federação Internacional de Golfe (IGF, na sigla em inglês) nesta segunda-feira.

O atleta brasileiro de 44 anos foi selecionado para iniciar a primeira volta no Campo Olímpico de Golfe, ao lado do sul-coreano An Byeong-Hun e do canadense Graham DeLaet.

Segundo explicou o presidente da IGF, Peter Dawson, DeLaet foi escolhido à primeira volta por ser da mesma nacionalidade de George Lyon, que ganhou o ouro no golfe em 1904, na última participação olímpica da modalidade. Já An Byeong-Hun, cujos pais ganharam a medalha de ouro no tênis de mesa em Seul-1988, tem uma forte herança com o espírito olímpico.

Selecionado para o feito histórico, Adilson curiosamente "começou a carreira" como caddy em um clube de Santa Cruz do Sul e só aos poucos foi praticando o golfe. Antes de ser selecionado para a tacada inaugural, ele chegou a afirmar que "nunca havia pensado que poderia jogar uma Olimpíada".

A chave masculina do golfe na Olimpíada será disputada entre os dias 11 e 14 de agosto, enquanto a feminina começa no dia 17 e termina em 20 de agosto.