21°
Máx
17°
Min

Campeão da Volta da França, Froome diz que ouro no Rio seria 'inacreditável'

(Foto: Divulgação)  - Froome diz que ouro no Rio seria 'inacreditável'
(Foto: Divulgação)


Um dos maiores nomes do esporte na atualidade, o britânico Chris Froome, bicampeão da Volta da França, está no Rio de Janeiro para participar dos Jogos Olímpicos. No sábado, ele vai compor o pelotão de largada da prova de resistência do ciclismo de estrada e, no melhor momento da carreira, deverá estar em destaque.

Ele mesmo admite, porém, que não é o mais cotado. "É um trajeto de montanha. Vai ser difícil. É claro, os colombianos vão se sair bem, também o (espanhol Alejandro) Valverde, o (italiano Vicenzo) Nibali, e ciclistas assim. É muito diferente da Volta da França. A Olimpíada é uma prova de um dia, não de três semanas, que você faz ajustes ao longo desse tempo", apontou Froome, que se dá melhor em provas mais velozes.

O circuito que passa por subidas bastante íngremes tem sido apontado como desafiador e a tendência é que prevaleçam bons escaladores, com destaque para os colombianos, ainda que Nairo Quintana, o principal nome do país, esteja fora, Valverde e Nibali. O espanhol Alberto Contador, outro grande nome da atualidade, se machucou e está fora da Olimpíada.

A grande chance do atual bicampeão da Volta da França parece ser na prova de contrarrelógio, na quarta-feira da semana que vem. "Seria incrível ganhar uma medalha aqui depois do verão que tive", completou Froome, bronze em Londres, em casa, em 2012.