21°
Máx
17°
Min

Cestinha dos EUA, Klay Thompson comemora retorno à boa fase

(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil) - Cestinha dos EUA, Klay Thompson comemora retorno à boa fase
(Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil)


Demorou cinco jogos para um dos destaques da última temporada da NBA, o ala-armador Klay Thompson mostrar no Brasil o mesmo alto nível das partidas nos Estados Unidos. O americano liderou a vitória do time por 100 a 97 sobre a França, neste domingo, com 30 pontos marcados e um alívio pela boa atuação, que deve lhe render mais espaço na equipe nas próximas partidas.

Vice-campeão da NBA pelo Golden State Warriors, o jogador teve ainda um impressionante aproveitamento em arremessos de três. Foram sete acertos em 12 tentativas. "É excelente ver as bolas caírem na cesta. Mas o que me faz melhor é a vitória. Posso ter até só 10% de acerto, mas se ganharmos a medalha de ouro, é o que vai valer. O importante é que pontuar bem, ajuda o restante da equipe", afirmou ao fim do jogo.

Thompson começou o jogo do banco de reservas contra a França após não ter se saído tão bem nos jogos anteriores, principalmente contra a Sérvia. O treinador americano, Mike Krzyzewski, explicou que de certa forma, essa escolha ajudou o atleta a reagir em quadra. "Ele é um dos melhores do mundo. Serão raras as vezes em que ele não vai arremessar com precisão. Temos sorte de contar com Thompson no elenco", comentou.

No jogo anterior, quando os americanos passaram dificuldades contra a Sérvia, Thompson teve a atuação bastante criticada pela imprensa americana. "Nós não me preocupamos com ele. Klay pode começar a pontuar a qualquer momento. Ele nos eleva a outro patamar. É importantíssimo", elogiou Kevin Durant. Na vitória anterior, o jogador do Golden State Warriors esteve em quadra por nove minutos e fez só três pontos.