22°
Máx
17°
Min

Com chance de ganhar mais dois ouros, Phelps já projeta despedida

(Foto: Divulgação/Rio2016) - Com chance de ganhar mais dois ouros, Phelps já projeta despedida
(Foto: Divulgação/Rio2016)

O norte-americano Michael Phelps continua quebrando recordes e conquistando o público brasileiro. Após a vitória nos 200 metros medley, que lhe rendeu o inédito tetracampeonato olímpico na natação, o atleta confessou que seu corpo não é mais o mesmo, apesar da excelente forma.

"Entre as provas, tento continuar fazendo agachamentos, nado um pouco e como calorias para terminar os 100m. Espero estar pronto de novo à noite", disse, sobre a final dos 100m borboleta, nesta sexta-feira.

Com mais um ouro no currículo, o 22º das suas 26 medalhas olímpicas, ele também atingiu uma expressiva marca: ultrapassou a ex-ginasta ucraniana Larisa Latynina, que chegou a 14 pódios em sua carreira. Phelps tem 15 pódios e se tornou o atleta com mais medalhas individuais na Olimpíada.

"Tenho mais duas provas no Rio. Sabe, essa é uma das coisas mais legais que eu vivi e que vou poder notar quando olhar para trás: tudo que eu me meti a fazer eu consegui. Me esforcei muito para chegar aonde estou e estou agradecido por estar aqui", afirmou.

Além dos 100m borboleta, ele vai disputar ainda o revezamento 4x100m medley, no sábado, no último dia de competição da natação. Pode conquistar mais dois ouros e já se mostra saudoso em sua despedida das piscinas olímpicas.

"Acho que a ficha começou a cair. Só vou botar o uniforme mais duas vezes e só vou ter de ficar cansado duas vezes. São pequenas coisas de cada dia. Foram meus últimos 200m medley na vida, o que é maravilhoso. É impressionante pensar que há mais de 20 anos eu aprendi a nadar e que agora tudo está terminando. As competições vão se encerrar em 48 horas, o que é difícil de acreditar", concluiu.