22°
Máx
14°
Min

Eliminado no badminton, brasileiro quebra protocolo e troca camisa com rival

(Foto: Saulo Cruz/Exemplus/COB) - Eliminado no badminton, brasileiro troca camisa com rival
(Foto: Saulo Cruz/Exemplus/COB)

Primeiro e único brasileiro a conseguir se classificar para os Jogos Olímpicos no badminton, Ygor Coelho encerrou sua participação no Rio-2016 neste domingo. Formado em um projeto social criado pelo próprio pai, Sebastião, na comunidade da Chacrinha, ele comemorou o Dia dos Pais sendo aplaudido de pé no pavilhão 4 do Riocentro.

Jogando contra o alemão Marc Zwiebler, bronze no Europeu deste ano e muito mais experiente, Ygor não teve a menor chance. Perdeu por 2 sets a 0 (duplo 21/12), mas não deixou de vibrar. Foi ovacionado pelo público que lotava a instalação e parabenizado também pelo adversário. Os dois trocaram de camisas, o que não é usual no esporte olímpico.

Na estreia, sábado, Ygor já havia sido derrotado pelo irlandês Scott Evans, em um jogo que havia a expectativa de vitória do brasileiro. Com as duas derrotas, ele nem chegou ao mata-mata.

Mesma campanha fez Lohaynny Vicente, que disputou o Rio-2016 convidada por ser anfitriã. Ela estreou na quinta e encerrou sua participação no sábado. Perdeu para Saina Nehwal, da Índia, e para Maria Ulitina, da Ucrânia. Ela também foi revelada no projeto social de 'Seu Sebastião'.