22°
Máx
14°
Min

Empate triplo gera brincadeira de Phelps, Cseh e Le Clos no 100m borboleta

(Foto: Rio 2016) - Empate triplo gera brincadeira de Phelps no 100m borboleta
(Foto: Rio 2016)

A despedida de Phelps das piscinas está proporcionando momentos de grande emoção para o norte-americano. Curiosamente, a prova de 100 metros borboleta teve um empate triplo na segunda colocação. Phelps bateu em segundo, ao lado de dois rivais de longa data: o sul-africano Chad Le Clos e o húngaro Laszlo Cseh. Todos marcaram o mesmo tempo de 51s14.

Essa igualdade de tempos deixou todo mundo feliz na hora da premiação. "Todo mundo quer dividir o pódio com ele, e o que aconteceu hoje foi realmente demais", explicou Cseh, que ao subir no pódio, deu as mãos para os dois nadadores e fizeram o gesto juntos. "Acho que foi ideia do Chad. Foi fantástico, temos uma longa história juntos e foi legal fazer isso", comentou.

Na prova, a vitória foi de Joseph Schooling, que conquistou o primeiro ouro de Cingapura na história dos Jogos Olímpicos. "Não fiquei surpreso com o resultado do Schooling. Ele sempre nada muito bem, especialmente na primeira perna", confessou Cseh, que já nadou diversas vezes contra esses rivais.

Phelps, por sua vez, explicou os motivos de ter ficado sem o ouro. "Fiz o que pude fazer. Dormi menos de dez horas na noite passada", afirmou Phelps, já sentindo a maratona de baterias da competição. "Foi realmente selvagem. Olhei para um lado e tinha o Chad. Olhei para o outro e tinha o Laszlo", completou, sobre Chad le Clos e Laszlo Cseh, que chegaram ao mesmo tempo que ele e todos ficaram com a prata.