28°
Máx
17°
Min

Equipe brasileira fica em sexto lugar no nado sincronizado e Rússia leva ouro

(Foto: CBDA/Divulgação) - Equipe brasileira fica em sexto lugar no nado sincronizado
(Foto: CBDA/Divulgação)


O Brasil terminou a disputa por equipes do nado sincronizado nos Jogos Olímpicos do Rio em sexto lugar. Nesta sexta-feira, no dia da realização da rotina livre, a equipe sustentou a posição alcançada no dia anterior, de disputa da rotina técnica. A medalha de ouro ficou com as favoritas russas, que já haviam vencido o evento de duetos.

Com o tema carnaval e sob o som de Ivente Sangalo, as brasileiras Bia e Branca Feres, Lara Teixeira, Duda Miccuci, Luisa Borges, Maria Bruno, Pamela Nogueira e Lorena Molinos empolgaram os torcedores presentes ao Parque Aquático Maria Lenk e alcançaram o sexto lugar na disputa da rotina livre, com 87,2000 pontos. A equipe conquistou 26,1000 pontos na execução, 34,8000 na impressão artística e 26,3000 nos elementos.

Esses 87,2000 pontos se somaram aos 84,7985 da rotina técnica no dia anterior, com o tema motoqueiras e sob o som de "Black Betty", do Ram Jam, deixando a equipe brasileira na sexta posição, com 171,9985 pontos, à frente das equipes do Egito e da Austrália.

A Rússia, que domina o nado sincronizado nos últimos anos, conseguiu 99,1333 pontos nesta sexta-feira e chegou a um total de 196.1439, o que assegurou mais uma medalha de ouro para elas, o quinto consecutivo nos Jogos Olímpicos, e com certa folga sobre as principais concorrentes. O pódio foi completado pela China, com a segunda colocada com 192,9841, e o Japão, o terceiro melhor, com 189,2056 pontos.