27°
Máx
13°
Min

Erika Miranda perde para chinesa e terá de disputar a repescagem na Olimpíada

(Foto: Brasil 2016 - Erika Miranda perde e terá de disputar a repescagem na Olimpíada
(Foto: Brasil 2016

A brasileira Erika Miranda saiu do caminho para a disputa da medalha de ouro olímpica ao perder neste domingo para a chinesa Ma Yingnan. Agora ela terá de tentar na repescagem chegar ao menos no bronze nos Jogos do Rio na categoria até 52kg.

A brasileira vinha bem na luta, vencia por uma punição, mas sofreu um golpe no minuto final e não conseguiu mais se recuperar. Agora ela só volta ao tatame na parte da tarde da disputa, ainda neste domingo, com início marcado para 15h30.

A atleta de 29 anos ainda está viva em busca do pódio, mas terá um caminho duro. Para conquistar o bronze, precisa vencer mais duas lutas, a primeira na repescagem, contra a romena Andreea Chitu, número 1 no ranking da categoria. Depois precisará ganhar seu próximo combate contra uma das perdedoras da semifinal.

Antes da derrota para a chinesa, Erika Miranda havia estreado na Olimpíada com vitória sobre Hela Ayari, da Tunísia. Mas diante de Ma Yingnan, nem o apoio da barulhenta torcida na Arena Carioca 2 foi capaz de evitar o seu revés, o segundo do judô brasileiro neste domingo - logo na sua estreia Charles Chibana foi eliminado pelo japonês Masashi Ebinuma e está fora da briga por medalha.

Candidata ao pódio no judô, Erika Miranda acumula duas medalhas de prata e outras duas de bronze em Mundiais, assim como foi ouro no Pan de 2015, em Toronto, e contabiliza duas pratas em Jogos Pan-Americanos (uma no Rio-2007 e outra em Guadalajara-2011).