23°
Máx
12°
Min

Estados Unidos vencem a China e mantêm invencibilidade no vôlei feminino

(Foto: Célio Messias/ Inovafoto/ CBV) - Estados Unidos vencem e mantêm invencibilidade no vôlei feminino
(Foto: Célio Messias/ Inovafoto/ CBV)

Os Estados Unidos venceram a China e confirmaram a invencibilidade na primeira fase do vôlei feminino, despontando como uma das favoritas para a medalha de ouro. Faltando duas partidas da primeira fase, que ocorrem nesta noite de domingo, apenas uma vaga segue indefinida. Após os jogos, um sorteio irá definir os confrontos das quartas de finais.

Argentina e Japão se enfrentam às 20h30 para definir a última classificada do grupo A. As duas equipes têm apenas uma vitória na competição, mas o Japão leva pequena vantagem no saldo de pontos.

Logo após a partida, o Brasil enfrenta a rival Rússia, às 22h35, na disputa pela primeira colocação no Grupo A. A liderança pode evitar confronto mais duro na próxima fase, que começa já na terça-feira. A quarta classificada para a próxima fase é a Coreia do Sul, que venceu Camarões por 3 sets a 0 pela manhã.

No Grupo B, as vagas foram definidas na rodada desta tarde. Estão classificadas as equipes dos Estados Unidos, Holanda, Sérvia e China. Pela manhã, a Holanda venceu a Sérvia em um jogo definido apenas no tie-break e que teve parciais de 25/22, 25/20, 22/25, 18/25 e 15/8, confirmando a segunda colocação na chave.

Na última partida, encerrada há pouco no Maracanãzinho, os Estados Unidos venceram de virada as chinesas, por 3 sets a 1 (22/25, 25/17, 25/19 e 25/19). Com o resultado, elas se classificaram em primeiro lugar e a China em quarto, com duas vitórias na competição.

Apesar da excelente campanha na primeira fase, as norte-americanas perderam cinco sets no total. As brasileiras ainda não perderam nenhuma parcial. As duas equipes chegaram à Olimpíada como favoritas por terem jogado a final do último Grand Prix, vencido pelo Brasil, em julho.