22°
Máx
16°
Min

Exame constata lesão leve e Alison segue na disputa no Rio de Janeiro

(Foto: Divulgação/Marcelo Pereira/Exemplus/COB) - Exame constata lesão leve e Alison segue na disputa no Rio de Janeiro
(Foto: Divulgação/Marcelo Pereira/Exemplus/COB)

O exame de imagem do jogador Alison mostrou que a lesão sofrida por ele na partida desta quarta-feira, contra a Itália, não é grave. O brasileiro do vôlei de praia torceu o tornozelo direito ao se desequilibrar na descida de um bloqueio, na Arena do Vôlei de Praia, em Copacabana. Parceiro de Bruno Schmidt, ele segue na disputa da Olimpíada do Rio de Janeiro.

Após ser atendido na arena durante a partida, Alison voltou à quadra e venceu a dupla italiana formada por Adrian Carambula e Alex Ranghieri por 2 sets a 0, com parciais de 21/19 e 21/16, ao lado do parceiro Bruno Schmidt. De lá, ele foi levado à Policlínica da Vila Olímpica para fazer os exames.

"A ressonância magnética indicou uma lesão ligamentar parcial, nada grave, no tornozelo direito, que não impede o atleta de continuar na competição. Alison passará por tratamento fisioterápico, comum nesse tipo de lesão, e segue nos Jogos", afirmou o médico chefe da delegação brasileira, Roberto Nahon, em nota divulgada pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB).