23°
Máx
12°
Min

Fabiana Murer decepciona em disputa preparatória para o Rio-2016

A brasileira Fabiana Murer decepcionou nesta quinta-feira na disputa da etapa de Roma da Diamond League. Em ritmo de preparação para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, ela errou suas três tentativas e foi desclassificada na prova de salto com vara na capital italiana.

Murer nem apareceu na lista final das participantes porque falhou ao tentar saltar 4,50 metros. Ela poderia ter começado a disputa na marca de 4,25 metros, porém optou por elevar a barra, o que acabou se mostrando a estratégia errada para a disputa. Na reta final de sua preparação para a Olimpíada, Murer vai voltar a competir no domingo, na etapa de Birmingham da Diamond League, na Inglaterra.

A medalha de ouro no salto com vara feminino nesta quinta ficou com a grega Ekaterini Stefanidi, que marcou 4,75 metros. Sua compatriota Nikoleta Kiriakopoulou levou a prata. Ela anotou a mesma marca, porém somente após a primeira colocada. A cubana Yarisley Silva, atual campeã mundial e medalha de prata em Londres-2012, foi apenas a terceira colocada, com 4,60 metros.

GATLIN - Um dos poucos medalhões presentes na etapa de Roma, o velocista Justin Gatlin confirmou o favoritismo e venceu os 100 metros. Sem precisar encarar seus maiores rivais na prova mais rápida do atletismo, o norte-americano cruzou a linha de chegada com o tempo de 9s93, superando sua melhor marca na temporada, que era de 9s94. A medalha de prata ficou com o também norte-americano Ameer Webb (9s94). O francês Jimmy Vicaut levou o bronze (9s99).

Apesar da boa marca, Gatlin segue atrás do catariano Femi Ogunode, que cravou o melhor tempo do ano, em abril, ao fazer 9s91. O americano chegou a marcar 9s88 em Eugene, nos Estados Unidos, no mês passado, porém obteve o tempo com vento favorável acima do permitido.

Depois de competir na Itália, Gatlin embarca para o Brasil, onde vai disputar o Desafio Mano a Mano em pista montada sobre o mar na Quinta da Boa Vista, no Rio de Janeiro. O evento, que também terá brasileiros e o trinitino Richard Thompson, será realizado neste domingo.

Outro destaque da etapa italiana da Diamond League foi o britânico Greg Rutherford. Atual campeão mundial e olímpico do salto em distância, ele confirmou o favoritismo ao saltar 8,31 metros. Foi sua oitava vitória consecutiva.

Também confirmaram favoritismo a neozelandesa Valerie Adams no arremesso de peso, com 19,69 metros, e a sul-africana Caster Semenya, com triunfo nos 800 metros, com 1min56s64.