22°
Máx
16°
Min

Instituições preparam passagem da Tocha Olímpica por Beltrão

(Foto: Divulgação)  - Instituições preparam passagem da Tocha Olímpica por Beltrão
(Foto: Divulgação)

Entidades representativas de classes, instituições militares e o poder público estão envolvidos na organização da passagem da Tocha Olímpica por Francisco Beltrão. Nesta semana, reunião do grupo definiu estratégias para incentivar a participação da população e definiu a rota que a tocha irá percorrer na cidade.

“Um dos principais símbolos do esporte mundial estará em Beltrão, numa oportunidade de deixarmos de lado questões políticas e diferenças e fazermos bonito para todo o mundo, que estará ligado à nossa cidade”, frisou o secretário de Esportes, Neri Schneider no encontro na sala de reuniões da Acefb.

A Tocha Olímpica passará por Francisco Beltrão dia 2 de julho. A chama deve chegar na cidade por volta das 15 horas e será conduzida por um trajeto de cinco quilômetros, do Parque Alvorada até o Calçadão Central, percorrendo as avenidas Porto Alegre e Julio Assis e passando por pontos icônicos da cidade, como o Morro do Calvário e Torre da Concatedral. Os nomes dos 22 condutores da tocha ainda não foram divulgados pelo Comitê Olímpico Internacional (COI).

Para a recepção à chama, a Prefeitura pretende envolver alunos de escolas municipais e estaduais, além da população em geral. Uma estrutura e diversas atrações artísticas e culturais serão realizadas durante todo o dia no calçadão.

No Paraná, a tocha irá passar por outras 21 cidades. A chama olímpica será acessa na cidade de Olímpia, na Grécia, ficará em exposição na Suíça e partirá para o Brasil para o revezamento, que acontece entre os dias 3 de maio e 5 de agosto em todos os estados do país.

Colaboração Assessoria de Imprensa.