22°
Máx
17°
Min

Itália domina terceiro dia de finais do tiro esportivo no Rio-2016

Foto: COB - Itália domina terceiro dia de finais do tiro esportivo no Rio-2016
Foto: COB


A torcida italiana fez a festa no Centro de Tiro Esportivo, nesta segunda-feira, em Deodoro. Atletas italianos ganharam uma medalha de ouro (Niccolo Campriani, na carabina de ar 10 metros) e uma de prata (Giovanni Pelielo, na fossa olímpica) e finalmente colocaram no pódio um país que é dos mais tradicionais no tiro esportivo.

A primeira final do dia foi na carabina, disputa que não teve brasileiros. Campriani, que ganhou um ouro e uma prata em Londres-2012, aumentou sua coleção de medalhas e reforçou seu posto de ídolo no esporte italiano. A prata ficou com Serhiy Kulish, da Ucrânia, e o bronze com Vladimir Maslennikov, da Rússia.

Depois, na final da fossa olímpica, prova de tiro ao prato, a disputa terminou empatada e precisou ir para o chamado "shoot off". Após mais quatro tiros de cada, Pellielo errou e viu Josip Glasnovic, da Croácia, ficar com o ouro. O bronze foi conquistado por Edward Ling, da Grã-Bretanha. O Brasil foi representado na fossa olímpica por Roberto Schmits, que terminou a competição no 15º lugar.