23°
Máx
12°
Min

Magnano promete ‘esperar o tempo necessário’ para ter Varejão na Olimpíada

O técnico promete esperar para ter Anderson Varejão na seleção brasileira de basquete (Foto: CBB)  - Magnano diz ‘esperar o tempo necessário’ para ter Varejão na Olimpíada
O técnico promete esperar para ter Anderson Varejão na seleção brasileira de basquete (Foto: CBB)

O técnico Rubén Magnano promete esperar o máximo que puder para ter Anderson Varejão na seleção brasileira de basquete que vai aos Jogos Olímpicos. A recente lesão nas costas do jogador do Golden State Warriors preocupa o treinador argentino, que, no entanto, não escondeu a importância do veterano pivô e o desejo de contar com um dos líderes do grupo no Rio.

"Vamos esperar o Anderson o tempo que for necessário. Ele está nos Estados Unidos agora com o pessoal do Golden State, que pediu para avaliá-lo. Se submeteu a todos os exames de um atleta de NBA e estamos esperando o resultado. Estamos em contato para saber o que está acontecendo com ele, mas vamos esperar o tempo necessário", declarou após a vitória sobre a Romênia em amistoso preparatório realizado na última segunda-feira, em São Paulo.

A notícia do problema nas costas de Varejão surpreendeu a todos no fim da última semana. A contusão ainda não teve sua gravidade revelada, mas deixou o pivô de 33 anos fora dos dois amistosos diante da Romênia. O jogador viajou para os Estados Unidos a mando do Warriors, e a Confederação Brasileira de Basquete (CBB) fez mistério ao sequer liberar o médico da seleção para falar sobre o estado do atleta nesta segunda-feira.

Magnano compactuou com o mistério e preferiu exaltar o desempenho brasileiro no triunfo desta segunda por 96 a 50. "Estamos pensando só nas coisas negativas. Falamos muito mais disso (lesão de Varejão) do que sobre o que aconteceu hoje. Estamos menosprezando o trabalho feito pelos jogadores aqui. É claro que sem o Anderson a equipe perde um jogador de potencial. Mas sofremos tanto ao longo desses anos, que um jogador a mais... Só espero que ele chegue em condições."

Caso Varejão de fato seja cortado, o nome de Cristiano Felício aparece como um dos favoritos a substitui-lo. O pivô fez ótima reta final de temporada este ano com o Chicago Bulls, mas pediu para não ser convocado para a Olimpíada justamente por priorizar a disputa da Summer League da NBA com sua equipe. Magnano não escondeu a insatisfação com a decisão do atleta na época, mas diante das circunstâncias, pode contar com ele para compor o elenco.

"O Felício é uma possibilidade. Mas há outras possibilidades também. Temos um plano A, um plano B e um plano C, porque não sabemos o que vai acontecer", afirmou. "Tem até o dia 5 de agosto para a troca de jogador", finalizou Magnano, mostrando que vai mesmo esperar o máximo possível por Varejão.