20°
Máx
14°
Min

Murray atropela Monaco na segunda rodada e avança no tênis dos Jogos Olímpicos

(Fotos: Philip Hall/ Usopen.org) - Murray atropela Monaco na segunda rodada e avança no tênis
(Fotos: Philip Hall/ Usopen.org)


A luta pelo bicampeonato olímpico continua. O britânico Andy Murray mostrou categoria no Centro Olímpico de Tênis e atropelou o argentino Juan Monaco por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/1, na segunda rodada nos Jogos Olímpicos do Rio. O tenista número 2 do mundo - dono de três títulos de Grand Slams na carreira - dominou toda a partida e garantiu a classificação em 1h09min.

Na próxima fase, o cabeça de chave número 2 enfrentará o vencedor da partida entre o italiano Fabio Fognini e o francês Benoit Paire, que duelam ainda nesta terça-feira. Na primeira rodada, Murray superou o sérvio Viktor Troicki por 2 sets a 0 (parciais de 6/3 e 6/2).

O britânico começou arrasador em sua segunda partida na chave de simples da Olimpíada. Logo de cara conseguiu abrir 3/0 no primeiro set. O argentino reagiu na sequência e encostou no placar, fazendo 3/2. Vaias e aplausos mostraram que o clima continua quente entre os torcedores brasileiros e argentinos. Murray, então, devolveu a quebra de serviço e confirmou o seu saque para novamente ficar confortável na partida (5/2). Ele teve só de administrar para fechar em 6/3.

Murray continuou tendo facilidade no início da segunda parcial e quebrou o primeiro saque de Monaco. Com a confirmação do seu serviço, garantiu 2/0. Uma reclamação do argentino com o juiz no terceiro game levou o público hostilizá-lo. O passeio continuou, e o britânico aproveitou o embalo para abrir 4/0. O tenista da Argentina fez um game de honra (4/1), mas a sorte estava do lado de Murray.

Uma devolução quase parou na rede, mas passou para o outro lado. O argentino só teve a lamentar e sucumbiu em apenas 29 minutos. Com uma devolução na rede, Monaco viu Murray fechar o segundo set por 6/1. Antes de deixar a quadra, o tenista da Argentina distribuiu raquetes e fez a alegria dos torcedores.

FERRER É ELIMINADO - Se Andy Murray confirmou o favoritismo, o espanhol David Ferrer foi surpreendido pelo russo Evgeny Donskoy e perdeu por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 3/6, 7/6 (7/1). e 7/5. Donskoy enfrenta agora o norte-americano Steve Johnson, que em outro jogo do dia passou pelo português Gastão Elias por 6/3 e 6/4.