21°
Máx
17°
Min

Murray sua, mas derrota norte-americano e vai às semifinais do tênis no Rio

(Fotos: Philip Hall/ Usopen.org) - Murray derrota norte-americano e vai às semifinais do tênis no Rio
(Fotos: Philip Hall/ Usopen.org)


Atual campeão olímpico, o britânico Andy Murray suou nesta sexta-feira, mas se manteve na busca pela defesa do título nos Jogos do Rio. O número 2 do mundo chegou a aplicar um "pneu", levou um susto na sequência, mas fechou as quartas de final diante do norte-americano Steve Johnson, 22.º do ranking, por 2 sets a 1, com parciais de 6/0, 4/6 e 7/6 (7/2).

Murray precisou de 2h11min de partida e viu complicar um jogo que parecia fácil para ele, mas confirmou a classificação às semifinais e se garantiu na briga por medalha. Agora, espera o vencedor do confronto do japonês Kei Nishikori, quarto cabeça de chave, com o francês Gael Monfils, sexto, para conhecer seu adversário.

Nesta sexta-feira, Murray foi beneficiado pelo nervosismo de Johnson no primeiro set. O norte-americano chegou a tomar advertência por discutir com o árbitro, não se encontrou em quadra e foi atropelado pelo britânico.

Só que Murray pareceu relaxar com a vantagem, permitiu o crescimento de Johnson e foi batido na segunda parcial. O norte-americano manteve-se em cima no terceiro set e conseguiu uma importante quebra no sétimo game, que parecia encaminhar sua vitória.

Mas Murray não estava morto. O britânico devolveu a quebra na sequência, salvou um novo break point no nono game e conseguiu levar a disputa para o tie-break. Aí, mostrou toda sua superioridade e atropelou Johnson para confirmar a classificação.