27°
Máx
13°
Min

Na estreia da luta olímpica, cubano e russo faturam medalha de ouro

(Foto: Divulgação)  - Na estreia da luta olímpica, cubano e russo faturam medalha de ouro
(Foto: Divulgação)

Na estreia da luta Olímpica no Rio-2016, um lutador cubano e um russo conquistaram as medalhas de ouro em disputa, neste domingo. Ismael Borrero faturou o primeiro ouro de Cuba nesta Olimpíada ao vencer na categoria até 59kg na luta greco-romana, uma das disciplinas da modalidade - a outra é a luta livre. O ouro na categoria até 75 kg ficou com Roman Vlasov, que se sagrou bicampeão olímpico.

Na primeira final do dia, Ismael Borrero Molina derrotou o japonês Shinobu Ota por 8 a 0 e se sagrou campeão olímpico. O cubano era um dos favoritos, porque vinha do título mundial, obtido no ano passado. Para chegar à decisão, neste domingo, Borrero Molina superou Arsen Eraliev, do Quirguistão, o chinês Wang Lumin e o usbeque Elmurat Tasmuradov.

A medalha de bronze ficou com o norueguês Stig-Andre Berge e com Elmurat Tasmuradov. O primeiro superou Rovshan bayramov, do Azerbaijão, na disputa da medalha. Já Tasmuradov derrotou Arsen Eraliev.

Na categoria até 75kg da luta greco-romana, Roman Vlasov faturou o bicampeonato ao superar na final o dinamarquês Overgaard Madsen por 5 a 1. Apesar do revés na final, Madson encerrou um jejum de 68 anos sem medalhas do seu país na modalidade.

O bronze foi para o sul-coreano Kim Hyeonwoo e para o iraniano Saeid Morad Abdvali. O primeiro, que foi campeão olímpico em Londres-2012 em outra categoria, até 66kg, derrotou neste domingo o croata Bozo Starcevic na disputa do bronze, enquanto o atleta do Irã superou o húngaro Peter Bacsi.