23°
Máx
12°
Min

Norte-americano Christian Taylor fatura bicampeonato olímpico no salto triplo

(Foto: EBC)   - Norte-americano Christian Taylor fatura bicampeonato olímpico
(Foto: EBC)


O norte-americano Christian Taylor voltou a mostrar que não tem rivais à altura no salto triplo na atualidade e faturou o bicampeonato olímpico nesta terça-feira. Na decisão dos Jogos do Rio, repetiu o que já havia feito em Londres-2012 e subiu ao lugar mais alto do pódio.

Já são seis anos consecutivos dominando o cenário do salto triplo. Neste período, além das duas medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos, Taylor faturou também dois títulos de Campeonatos Mundiais na prova: em Daegu, em 2011, e Pequim, no ano passado.

Para voltar a ficar com o ouro olímpico, Taylor saltou 17,89m nesta terça-feira, alcançando sua melhor marca na temporada. Ficou, no entanto, ainda bem distante do recorde olímpico do norte-americano Kenny Harrison (18,09m em Atlanta-1996) e do recorde mundial do britânico Jonathan Edwards (18,29m).

Mas a marca de Christian Taylor foi mais do que suficiente para garanti-lo à frente de seu compatriota Will Claye, que faturou a prata ao saltar 17,76m. A medalha de bronze ficou com o chinês Dong Bin, com 17,58m.