22°
Máx
16°
Min

Rogério Micale diz que espera contar com auxílio de Tite

(Foto: Divulgação/CBF) - Rogério Micale diz que espera contar com auxílio de Tite
(Foto: Divulgação/CBF)

Sob os olhares do técnico da seleção principal, Tite, o treinador da equipe olímpica, Rogério Micale, anunciou nesta quarta-feira a lista de 18 jogadores que representarão o Brasil nos Jogos do Rio-2016. A busca pelo ouro olímpico será o principal desafio da carreira de Micale. Ao mesmo tempo em que o treinador reconheceu que "é uma oportunidade ímpar" em sua carreira, ele admitiu que espera contar com o auxílio de Tite.

"É uma grande oportunidade. Eu me preparei durante anos pra viver esse momento. Tenho um grupo na mão que eu confio, de muita qualidade. A minha expectativa é a melhor possível", afirmou Micale. "É uma oportunidade ímpar na minha carreira, assim como para o Brasil que busca essa medalha. A gente sabe a importância e o que representa essa conquista."

O técnico disse que o grupo convocado "tem todas as condições de conquistar o ouro", e garantiu que o elenco foi todo escolhido por ele. Até duas semanas atrás, quem estava encarregado de convocar a seleção era o técnico Dunga, demitido da seleção principal.

"Em relação ao legado do Dunga, existia um trabalho em conjunto. A partir do momento que eu assumi, a autonomia de poder convocar os nomes se tornou minha", sustentou Micale.

O treinador, porém, não escondeu a admiração pelo novo técnico da equipe principal. "Com relação o professor Tite, conversei hoje (quarta), conversamos anteriormente por telefone. O nosso trato foi em relação a boas-vindas, àquilo que pretendemos trabalhar juntos, como trabalho agregado. Se resumiu a isso", disse Micale.

"Eu gostaria muito de ter a experiência, e quero contar demais com o Tite junto ao meu trabalho. Tem muito a agregar. Hoje é o atual campeão brasileiro, de um dos maiores campeonatos do mundo, que é o Brasileiro. Me sinto realizado e satisfeito de poder contar com a ajuda do Tite. Tem toda a liberdade, quero ouvir conselhos e quero que ele esteja junto, porque vamos fazer um trabalho sequencial."