22°
Máx
14°
Min

Técnico do handebol masculino exalta defesa e comemora vitória

(Foto: Divulgação) - Técnico do handebol masculino exalta defesa e comemora vitória
(Foto: Divulgação)

O técnico Jordi Ribera exaltou o desempenho da defesa da seleção brasileira masculina de handebol na surpreendente vitória sobre a favorita Alemanha, nesta quinta-feira, na Arena do Futuro em Deodoro. Com o triunfo, o Brasil manteve as chances de avançar às quartas de final na Olimpíada do Rio de Janeiro.

"Nosso ataque não foi tão bem, mas a defesa segurou. O goleiro ajudou a equipe nos últimos minutos", comentou o treinador. "Estou feliz com o jogo, pelos jogadores, pelo Brasil. Os torcedores foram fundamentais. Foi um jogo bastante difícil e a torcida é muito importante para a equipe. Nós acreditamos que era possível vencer a Alemanha. É possível que ela seja o melhor time que tem jogado com os sete atletas no ataque."

Atual campeã europeia, a Alemanha entrou em quadra com status de favorita. Porém, aos poucos o Brasil passou a controlar a partida. O time nacional não se perdeu mesmo quando ficou atrás no placar, com desvantagem de quatro gols. No fim, bateu os alemães por 33 a 30. O resultado ajuda a encaminhar a classificação às quartas de final.

"Conseguimos dar um passo adiante nos nossos objetivos. Agora já temos que pensar no outro jogo contra o Egito. Trabalhamos muito durante quatro anos para poder chegar com uma boa preparação a este campeonato. Sabíamos que este era um grupo complicado, mas está os nos saindo bem", disse Ribera.

Elogiado pelo treinador, o goleiro Maik atribuiu o triunfo ao trabalho coletivo da equipe. "A vitória foi construída por cada detalhe. A doação de cada um dentro e fora da quadra. A soma de todos os fatores nos levou a uma vitória impressionante hoje. Realmente foi um dia inspirado. Esperamos seguir assim na competição", disse o jogador, que foi um dos destaques da partida.

A seleção brasileira volta à quadra no sábado, às 16h40, para enfrentar o Egito, que vem de duas derrotas e uma vitória.