24°
Máx
17°
Min

Tocha olímpica altera transporte coletivo em Curitiba

A passagem da tocha olímpica por Curitiba vai afetar no transporte coletivo (Foto: Roberto Castro/ME/Brasil2016) - Tocha olímpica altera transporte coletivo em Curitiba
A passagem da tocha olímpica por Curitiba vai afetar no transporte coletivo (Foto: Roberto Castro/ME/Brasil2016)

A passagem da tocha olímpica por Curitiba vai afetar o transporte coletivo nesta quinta-feira (14). As áreas de fiscalização e operação do Centro de Controle Operacional (CCO) e da Urbs estão mobilizadas para garantir o fluxo do revezamento e reduzir o impacto ao usuário.

Apenas duas linhas de ônibus – Interbairros 2 e Mateus Leme – terão desvios programados. Elas deixam o trajeto original na Rua João Gava para seguir pela Rua Nilo Peçanha durante o bloqueio de trânsito para o encerramento da festa olímpica na cidade, programada para ocorrer após às 18h30, na Pedreira Paulo Leminski.

A Linha Turismo não circula nesta quinta-feira (14), voltando ao seu horário normal a partir de sexta-feira (15). Isso porque grande parte do trajeto desta linha coincide com pontos de passagem da tocha olímpica, tornando inviável a operação na rota original. Por questão de segurança - em função da altura dos ônibus, o que exige adequação de fiação elétrica e poda de galhos de árvores que estão no caminho - não será possível fazer desvios na Linha Turismo.

As outras linhas que circulam em pontos por onde vai passar a tocha olímpica serão monitoradas pelo CCO em todo o trajeto. Os motoristas serão orientados em tempo real sobre a localização da tocha, podendo parar para aguardar a passagem dos condutores, ou, em caso de demora maior, fazer um desvio para uma rua próxima.

Em ambos os casos, as determinações serão dadas pelos operadores conforme a necessidade do momento. Os ônibus de Curitiba são dotados de computadores de bordo, o que permite a comunicação em tempo real do CCO com os motoristas.