24°
Máx
17°
Min

Vila Olímpica terá check-in e despacho de bagagem para agilizar viagem de atletas

(Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil)  - Vila Olímpica terá check-in e despacho de bagagem para agilizar viagem
(Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil)


A Vila Olímpica terá uma estrutura especial de check-in, emissão de cartão de embarque e despacho de bagagem que funcionará entre domingo, data de encerramento dos Jogos Olímpicos, e terça-feira. A ação é uma iniciativa do Comitê Rio-2016 em parceria com as operadoras da concessionária RIOgaleão, responsável pelo Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro, como parte do plano operacional para otimizar o fluxo recorde de passageiros que deve acontecer no período.

Na segunda-feira, data em que 85 mil passageiros devem circular pelo aeroporto carioca, o Galeão contará com atrações especiais como a bateria da escola de samba Mangueira e show de bossa nova com a Banda Nova. A recomendação da concessionária para o dia é que passageiros de voos internacionais cheguem com seis horas de antecedência, em vez das três horas habituais.

Segundo Carlos Rodriguez, gerente de operações da RIOgaleão, o aeroporto ainda contará com equipamentos extras para conseguir atender a todos os passageiros. Serão disponibilizados mais dez equipamentos de raio X, dois body scans, 12 balcões da Polícia Federal e 12 gates (sistemas de controle migratório) extras.

O gerente ainda explicou que os eventos especiais que acontecerão no aeroporto têm o objetivo de desafogar áreas de maior fluxo. "Quer estimular o passageiro a passar pelos gargalos no aeroporto, para evitar atrasos", explica Rodriguez.

Além da bateria da Mangueira e da Banda Nova, que tem como membros Daniel e Paulo Jobim, o aeroporto contará com um mural de despedida e a exibição de vídeos dos melhores momentos dos Jogos. Segundo o gerente, a intenção é que a concessionária encerre o evento com uma avaliação positiva.

Rodriguez afirmou que o funcionamento do aeroporto foi "bastante satisfatório" e destacou a pontualidade ao afirmar que a média de atrasos foi de 3,5%, muito abaixo da média registrada em dias regulares. No dia 22 de agosto, 7.500 membros da "família olímpica" devem circular pelo aeroporto, que deve ter fluxo de 85 mil passageiros e 28 mil bagagens.