22°
Máx
16°
Min

Filipinho brilha na França, vence John John Florence e ajuda Medina

O sábado foi bom para o surfe brasileiro em Hossegor, na França. Gabriel Medina superou o compatriota Caio Ibelli e o norte-americano Kolohe Andino na quarta fase da nova etapa do Circuito Mundial de Surfe e, antes disso, assistiu de camarote Filipe Toledo dar show e superar John John Florence, principal adversário de Medina na disputa pelo título da temporada, com direito a uma nota 10. Com isso, o surfista havaiano, líder do circuito, vai para a repescagem. Lá terá pela frente mais um brasileiro, Adriano de Souza, atual campeão mundial.

Grande favorito ao título da etapa da França, onde possui um retrospecto altamente positivo, com três finais e duas conquistas em cinco oportunidades que competiu em Hossegor no Circuito Mundial, Gabriel Medina não decepcionou e deu mostras que está muito vivo na disputa pelo título da etapa e também da temporada.

Depois de superar o italiano Leonardo Fioravanti no terceiro round, na manhã deste sábado, o brasileiro voltou a mostrar todo o seu talento e não deu grandes chances para Caio Ibelli e Kolohe Andino e, com o somatório de 14,17 pontos, dominou completamente a bateria da quarta fase para se garantir direto nas quartas de final. Os perdedores vão disputar a repescagem.

Outro que se garantiu nas quartas de final foi Filipe Toledo. Em uma disputa bastante intensa com John John Florence, o brasileiro conseguiu um aéreo já nos minutos finais da bateria e recebeu uma nota 10, que, somada a seu 8,50 em uma outra onda, concretizou a virada para cima do atual líder do Circuito Mundial, que ficou com 18,47, apenas 0,03 a menos. O australiano Stuart Kennedy, que também estava na bateria, nada pôde fazer para evitar o show dos adversários e terminou com 12,03.

Com o resultado, John John, que está pouco mais de 4.000 pontos à frente de Medina na temporada, terá pela frente agora Adriano de Souza, que ficou atrás de Matt Banting e Keanu Asing em sua bateria. A disputa, que deve acontecer neste domingo, é fundamental para o restante do ano, pois, se for derrotado, John John Florence pode até ser superado por Gabriel Medina na corrida pelo título. Depois de Hossegor, ainda faltarão duas etapas no ano: em Portugal e no Havaí.

BATERIAS DA 5.ª FASE NA FRANÇA:

Keanu Asing (HAW) x Stuart Kennedy (AUS)

John John Florence (HAW) x Adriano de Souza (BRA)

Caio Ibelli (BRA) x Julian Wilson (AUS)

Sebastian Zietz (HAW) x Kolohe Andino (EUA)