22°
Máx
14°
Min

André Sá perde na estreia na chave de duplas em Metz

Após realizar boa campanha no US Open, o brasileiro André Sá caiu logo na sua partida de estreia no Torneio de Metz. Nesta segunda-feira, o mineiro e o australiano Chris Guccione perderam para o austríaco Oliver Marach e o francês Fabrice Martin por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/5, em 1 hora e 13 minutos.

Guccione e Sá, o número 49 do ranking de duplistas, avançaram até as quartas de final do US Open, quando pararam no também brasileiro Bruno Soares e no britânico Jamie Murray, que posteriormente faturaram o título do Grand Slam nova-iorquino.

Agora, após uma semana de folga, voltaram ao circuito mundial de tênis, mas dessa vez caíram logo na estreia em Metz, que recebe um ATP 250 disputado em quadras duras e cobertas. O desafio, porém, não era fácil, pois Marach e Martin formam a dupla cabeça de chave número 2 em Metz.

No primeiro set do duelo, Sá e Guccione conseguiram uma quebra de serviço, mas não conseguiram salvar os dois break points que a dupla adversária teve, sendo batidos por 6/4. No segundo set, Marach e Martin obtiveram mais uma quebra de saque e venceram por 7/5.

Apesar da queda precoce de Sá, o tênis do Brasil ainda não está fora do Torneio de Metz. Marcelo Demoliner vai participar em parceria com o australiano Marcus Daniell e estreará diante dos franceses Julien Benneteau e Edouard Roger-Vasselin, os dois melhores duplistas do mundo - no último fim de semana, porém, eles foram batido no confronto em que a Croácia se classificou à final da Copa Davis.