23°
Máx
12°
Min

Argentina fica com título do Circuito Feminino Future de Tênis no Graciosa

Catalina Pella (Foto: Lucas Lopes / Assessoria) - Argentina fica com título do Circuito Feminino Future de Tênis no Graciosa
Catalina Pella (Foto: Lucas Lopes / Assessoria)

Uma das surpresas do torneio, a tenista argentina Catalina Pella ficou com o título da etapa de Curitiba do Circuito Feminino Future de Tênis, ao bater na final neste domingo a favorita, a holandesa Cindy Burger. A vitória veio de virada, com 5/7, 6/4 e 6/2, após 2h16, numa disputa que encerrou com grande emoção e nível técnico o torneio realizado nas quadras do Graciosa Country Club. Pella também conquistou a categoria de Duplas, ao lado da chilena Daniela Seguel. Esse foi o título mais importante da carreira da atleta, que tem 23 anos.


Catalina Pella e Cindy Burger (Foto: Lucas Lopes / Assessoria)

O circuito iniciou no dia 5 de março e levou tenistas de 23 países às quadras de saibro do Graciosa Country Club. Na final, o evento também fez uma homenagem ao tenista curitibano José Demeterco. Considerado um dos principais tenistas do Paraná, Demeterco foi campeão Paranaense, Sul-Americano e Brasileiro. Ele recebeu a homenagem pela sua contribuição para a modalidade do organizador do circuito, o também ex-tenista Ricardo Camargo.

Entre as brasileiras, a paulista Beatriz Haddad Maia e a gaúcha Gabriela Cé foram as atletas que conseguiram ir mais longe na competição. Elas chegaram até as oitavas, onde Bia perdeu para a francesa e cabeça 1, Alizé Lim, atual 158ª do ranking, por 4/6, 6/2, 6/1. Já Cé não conseguiu manter o bom ritmo de jogo do primeiro set e perdeu para a húngara Reka-Luca Jani por 6/2, 3/6, 1/6.

Entre as três paranaenses que participaram do Circuito Feminino Future de Tênis, a atleta da casa Georgia Gulin parou no bom tênis da suíça Conny Perrin, na primeira fase da competição, com parciais de 6/0 e 6/2. Em duplas, ao lado da brasileira Kathleen Biong Percegona, Gulin perdeu para a argentina Victoria Bosion e a chilena Fernanda Brito por 6/1 e 6/0.

Lara Teodoro, que ganhou na primeira fase da também brasileira Maria Bueno, não conseguiu superar a cabeça de chave número 5 do torneio, a americana Robin Anderson, na segunda fase e perdeu por duplo 6/0.

Lara Teodoro (Foto: Lucas Lopes / Assessoria)

Por fim, Isabela Miró, que retornava às quadras após um tempo sem jogar, não conseguiu retomar o ritmo de jogo. Ela perdeu na primeira fase do torneio, por duplo 6/0, para a cabeça de chave número 8, a italiana Maria Caregaro. Nas duplas, Isabela e a parceira Barbara Gatica, do Chile, foram eliminadas pelas turcas Ayla Aksu e Melis Sezer com parciais de 6/2 e 6/0.

Outra brasileira que se destacou, foi a tenista Carol Alves, sobrinha de Fernando Meligeni. A tenista passou pelas qualificatórias mas não conseguiu manter a performance e perdeu para a ucraniana Sofiya Kovalets, por 6/2 e 6/2.

O Circuito Feminino Future de Tênis é apresentado pelo Itaú através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério do Esporte/Governo Federal e tem o apoio dos Correios. Essa é a terceira vez que o Graciosa Country Club foi escolhido para receber a competição. A realização é do Instituto Esperança do Amanhã. O circuito tem a chancela da Federação Internacional de Tênis e da Confederação Brasileira de Tênis. Ainda restam duas etapas – São José do Rio Preto e São José dos Campos, ambas em São Paulo – para fechar o circuito da ITF.

Colaboração Assessoria de Imprensa.