28°
Máx
17°
Min

Bellucci e Rogério Dutra Silva são eliminados na estreia no US Open

Os dois primeiros brasileiros a entrar em quadra no US Open já estão eliminados do Grand Slam nova-iorquino. Nesta segunda-feira, Rogério Dutra Silva e Thomaz Bellucci caíram na rodada de estreia, deixando Guilherme Clezar como único representante do País na chave masculina.

Após realizar boa campanha na Olimpíada do Rio, Bellucci, o 65º colocado no ranking da ATP, voltou a decepcionar. Dessa vez, ele foi superado pelo russo Andrey Kuznetsov, o número 47 do mundo, por 3 sets a 1, com parciais de 6/4, 3/6, 6/1 e 7/6 (8/6). Assim, o tenista da Rússia avançou no US Open e desempatou o confronto direto com o brasileiro, que registrava um triunfo para cada tenista.

No primeiro set, após cometer alguns erros bobos, Bellucci perdeu o seu saque no quinto game. E como não conseguiu mais se recuperar, acabou sendo batido por 6/4. Mas o brasileiro reagiu na segunda parcial. Em uma sequência de três quebras de serviço consecutivas, entre o sexto e oitavo games, Bellucci conseguiu duas e depois fechou a parcial em 6/3.

No terceiro set, no entanto, Bellucci não manteve o ritmo. Com problemas no seu saque, foi dominado por Kuznetsov na terceira parcial e perdeu por 6/1. E o brasileiro seguiu atuando mal no quarto set, permitindo que o russo obtivesse nova quebra de saque no começo da parcial.

No décimo game, quando Kuznetsov sacava para fechar o jogo, Bellucci reagiu. Ele salvou dois match points e levou a definição da parcial para o tie-break. Mas aí o brasileiro voltou a cometer erros em excesso e perdeu por 8/6, sendo eliminado precocemente do US Open.

A queda logo na estreia deverá levar Bellucci a despencar ainda mais no ranking. Afinal, no ano passado ele foi eliminado apenas na terceira rodada. Já Kuznetsov agora vai encarar o vencedor do jogo entre o francês Julien Benneteau e o espanhol Albert Ramos Viñolas.

ROGERINHO - Número 108 do mundo, Dutra Silva não conseguiu superar o desafio de encarar o campeão do US Open de 2014. O brasileiro perdeu para o croata Marin Cilic, nono colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 7/5 e 6/1, na Louis Armstrong, a segunda maior quadra do complexo de Flushing Meadows.

O brasileiro até começou melhor a partida, conseguiu uma quebra de serviço logo no primeiro game, chegou a abrir 3/1, mas cedeu o empate em 3/3 e acabou perdendo o set por 6/4.

No segundo set, Rogerinho voltou a oscilar. Ele permitiu que Cilic abrisse 3/0, mas conseguiu igualar o placar em 3/3. O brasileiro manteve o duelo equilibrado até o 12º game, quando perdeu o seu saque e o set, dessa vez por 7/5.

A partir daí, no entanto, Cilic sobrou em quadra. O croata abriu rapidamente 5/0 e fechou a parcial em 6/1, avançando à segunda rodada do US Open. O próximo adversário de Cilic, que vem embalado pelo título do Masters 1000 de Cincinnati, sairá do duelo entre o português Gastão Elias e o ucraniano Sergyi Stakhovsky.

OUTROS JOGOS - O primeiro dia do US Open já registrou a queda de um dos principais cabeças de chave. O francês Richard Gasquet, número 15 do mundo, foi eliminado ao perder para o britânico Kyle Edmund, 84º colocado no ranking, por 3 sets a 0, com parciais de 6/2, 6/2 e 6/3.

Gasquet havia avançado às quartas de final do US Open no ano passado. Assim, essa queda precoce o fará perder pontos valiosos no ranking da ATP. Nesta segunda-feira, ele sofreu com a postura agressiva de Edmund, que disparou 40 winners.

Além disso, o US Open também já tem definido um confronto da segunda rodada. Ele será entre o russo Mikhail Youzhny, que superou o eslovaco Martin Klizan (6/2, 6/1 e 6/1) e o argentino Guido Pella, que derrotou o norte-americano Bjorn Fratangelo (6/3, 6/4 e 6/4).