26°
Máx
19°
Min

Bellucci sobe para o 67º lugar no ranking após avançar às semifinais na China

Bellucci ganhou 14 posições (Foto: Alexandre Carvalho/ DGW Comunicação) - Bellucci sobe para o 67º lugar no ranking após avançar às semifinais
Bellucci ganhou 14 posições (Foto: Alexandre Carvalho/ DGW Comunicação)

Ameaçado de perder a condição de tenista número 1 do Brasil, Thomaz Bellucci ganhou um fôlego nessa disputa com Thiago Monteiro ao ser semifinalista do Torneio de Shenzhen, na China, na última semana, o que o levou a ascender na atualização desta segunda-feira do ranking da ATP.

Bellucci ganhou 14 posições e assumiu a condição de número 67 do mundo, com 765 pontos, ao somar 90 por atingir as semifinais do ATP 250 chinês. No entanto, ele não entrará em quadra desta semana, diferentemente de Thiago Monteiro, que caiu três posições no ranking e agora está em 90º lugar, com 649 pontos, e vai disputar o Challenger de Campinas.

Numa semana em que apenas dois do tenistas do Top 10 entraram em quadra, não houve alterações nas 11 primeiras posições do ranking. Assim, o sérvio Novak Djokovic alcançou a 120ª semana consecutiva e a 221ª da sua carreira como número 1 do mundo, com 14.040 pontos.

O britânico Andy Murray é o vice-líder, com 9.345 pontos, seguido, em ordem, pelo suíço Stan Wawrinka, pelo espanhol Rafael Nadal, pelo japonês Kei Nishikori, pelo canadense Milos Raonic, pelo suíço Roger Federer e pelo francês Gael Monfils.

Campeão em Shenzhen, o checo Tomas Berdych permanece em nono lugar no ranking. Já o austríaco Dominic Thiem, que parou nas quartas de final do Torneio de Chengdu, completa o Top 10 da lista da ATP. E o russo Karen Khachanov ascendeu 46 posições e atingiu a 55ª colocação no ranking após conquistar no último fim de semana o título do evento em Chengdu.

Confira a classificação atualizada do ranking da ATP:

1º - Novak Djokovic (SER), 14.040 pontos

2º - Andy Murray (GBR), 9.345

3º - Stan Wawrinka (SUI), 6.365

4º - Rafael Nadal (ESP), 4.940

5º - Kei Nishikori (JAP), 4.875

6º - Milos Raonic (CAN), 4.510

7º - Roger Federer (SUI), 3.730

8º - Gael Monfils (FRA), 3.545

9º - Tomas Berdych (RCH), 3.470

10º - Dominic Thiem (AUT), 3.295

11º - Marin Cilic (CRO), 2.885

12º - Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 2.625

13º - David Ferrer (ESP), 2.455

14º - David Goffin (BEL), 2.390

15º - Nick Kyrgios (AUS), 2.050

16º - Lucas Pouille (FRA), 2.036

17º - Richard Gasquet (FRA), 2.030

18º - Roberto Bautista (ESP), 1.950

19º - Pablo Cuevas(URU), 1.745

20º - Grigor Dimitrov (BUL), 1.735

67º - Thomaz Bellucci (BRA), 765

90º - Thiago Monteiro (BRA), 649

104º - Rogério Dutra Silva (BRA), 566

118º - João Souza (BRA), 509