28°
Máx
17°
Min

Bellucci vence fácil Tomic e avança às semifinais em torneio na China

O brasileiro Thomaz Bellucci conseguiu uma vitória de peso nesta sexta-feira para se classificar às semifinais do Torneio de Shenzen, um ATP 250 chinês disputado em quadras duras. O número 81 do mundo se impôs diante do australiano Bernard Tomic e o derrotou por 2 sets a 0, com duplo 6/2, em 1 hora e 1 minuto.

Com um histórico ruim em competições na Ásia, Bellucci vem se destacando nesta semana em Shenzhen. Ainda sem perder sets, ele superou o português Gastão Elias na sua estreia. Depois, bateu o italiano Thomas Fabbiano e agora superou Tomic, o cabeça de chave número 4 do evento chinês, passando a somar dois triunfos e uma derrota no confronto do australiano.

Bellucci teve ótimo desempenho no seu saque nesta sexta, tanto que disparou 14 aces, contra apenas três do seu adversário, além de ter vencido 92% dos pontos no seu primeiro serviço, perdendo apenas dois dos 28 disputados, contra um aproveitamento de somente 56% do australiano.

No primeiro set, Bellucci conseguiu quebras de saque no terceiro e quinto games, salvou os dois break points de Tomic, abriu 5/1 e fechou a parcial em 6/2. A segunda parcial foi bem parecida, com o brasileiro conseguindo quebras de serviço no terceiro e sétimo games, definindo a sua vitória novamente por 6/2.

Agora Bellucci aguarda a definição do seu próximo adversário no torneio chinês. O brasileiro terá pela frente o vencedor da partida entre os checos Tomas Berdych, número 9 do mundo, e Jiri Vesely, 52º colocado no ranking.

Se Bellucci ainda aguarda a definição do seu próximo adversário em Shenzhen, a outra semifinal do torneio chinês já está definida e será entre o francês Richard Gasquet, número 18 do mundo, e o tunisiano Malek Jaziri, o 55º colocado no ranking.

Nesta sexta, Gasquet avançou ao bater o alemão Mischa Zverev, número 120 do mundo, por 2 sets a 0, com duplo 7/6, em 2 horas e 6 minutos, mesmo tendo sofrido com o saque do adversário, que disparou dez aces. Já Jaziri derrotou o sérvio Janko Tipsarevic, o número 224 do mundo, por 7/6 (8/6) e 6/2.