23°
Máx
12°
Min

Cuevas entra no Top 20 do ranking da ATP após ser vice em Hamburgo

Cuevas atingiu o 20º lugar, a melhor posição da sua carreira (Foto: Marcello Zambrana/DGW Comunicação) - Cuevas entra no Top 20 do ranking da ATP após ser vice em Hamburgo
Cuevas atingiu o 20º lugar, a melhor posição da sua carreira (Foto: Marcello Zambrana/DGW Comunicação)

O Top 20 do ranking da ATP tem um novo componente. Vice-campeão do Torneio de Hamburgo no último fim de semana, o uruguaio Pablo Cuevas ascendeu quatro postos na atualização desta segunda-feira da lista e atingiu o 20º lugar, a melhor posição da sua carreira.

A subida de Cuevas foi, aliás, a única alteração ocorrida na relação dos 20 melhores tenistas do mundo, o que também foi provocado pela ausência da maior parte deles nos eventos do circuito mundial do tênis na semana seguinte ao fim de Wimbledon.

Assim, o ranking segue sendo liderado pelo sérvio Novak Djokovic, com 15.040 pontos, seguido pelo britânico Andy Murray, sendo que ambos ficaram fora do duelo entre as equipes dos seus países pelas quartas de final do Grupo Mundial da Copa Davis.

Inalterada, a relação dos dez primeiros colocados é completada em ordem pelo suíço Roger Federer, pelo espanhol Rafael Nadal, pelo suíço Stan Wawrinka, pelo japonês Kei Nishikori, pelo canadense Milos Raonic, pelo checo Tomas Berdych, pelo austríaco Dominic Thiem e pelo francês Jo-Wilfried Tsonga.

Algoz de Cuevas na decisão em Hamburgo, o eslovaco Martin Klizan ganhou 19 posições e atingiu o 28º lugar. O espanhol Albert Ramos Viñolas se tornou o 31º colocado ao ascender três postos depois de ser campeão do Torneio de Bastad. O croata Ivo Karlovic ascendeu três postos e se tornou o número 35 do mundo após faturar o título do Torneio de Newport.

O Brasil continua com dois tenistas entre os cem melhores do mundo. Decisivo para o triunfo sobre o Equador que garantiu o País nos playoffs da Copa Davis ao vencer dois jogos de simples, Thomaz Bellucci é o 49º colocado. Já Rogério Dutra Silva, que perdeu o único duelo que disputou, perdeu um posto e agora é o número 91 do mundo. Já Thiago Monteiro, que "furou" o qualifying em Hamburgo e parou nas oitavas de final, ascendeu para a 110ª posição, se aproximando do Top 100.

DUPLAS - No ranking de duplistas, Marcelo Demoliner subiu dez posições e se tornou o 71º colocado após ser vice-campeão em Bastad. Ele é o número 4 do Brasil nesta lista, atrás de Marcelo Melo (sexto), Bruno Soares (oitavo) e André Sá (49º).

Confira o ranking atualizado da ATP:

1º - Novak Djokovic (SER), 15.040 pontos

2º - Andy Murray (GBR), 10.065

3º - Roger Federer (SUI), 5.945

4º - Rafael Nadal (ESP), 5.290

5º - Stan Wawrinka (SUI), 4.720

6º - Kei Nishikori (JAP), 4.290

7º - Milos Raonic (CAN), 4.285

8º - Tomas Berdych (RCH), 3.490

9º - Dominic Thiem (AUT), 3.175

10º - Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 2.995

11º - David Goffin (BEL), 2.715

12º - Marin Cilic (CRO), 2.695

13º - David Ferrer (ESP), 2.695

14º - Richard Gasquet (FRA), 2.365

15º - Roberto Bautista (ESP), 2.060

16º - John Isner (EUA), 2.055

17º - Gael Monfils (FRA), 2.030

18º - Nick Kyrgios (AUS), 1.855

19º - Bernard Tomic (AUS), 1.850

20º - Pablo Cuevas (URU), 1.765

49º - Thomaz Bellucci (BRA), 930

91º - Rogério Dutra Silva (BRA), 644

110º - Thiago Monteiro (BRA), 546

184º - João Souza (BRA), 292

200º - Guilherme Clezar (BRA), 274