21°
Máx
17°
Min

Djokovic arrasa espanhol e avança às quartas de final em Madri

(Foto: Usopen.org) - Djokovic arrasa espanhol e avança às quartas de final em Madri
(Foto: Usopen.org)

Com sua segunda vitória fácil em dois jogos na semana, Novak Djokovic se garantiu com extrema tranquilidade nas quartas de final do Masters 1000 de Madri, nesta quinta-feira, quando derrotou o espanhol Roberto Bautista Agut por 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 6/1, em apenas 68 minutos de confronto.

Antes deste duelo, o tenista sérvio havia despachado em sua estreia o croata Borna Coric por 6/2 e 6/4, em partida já válida pela segunda rodada, na qual encarou o seu primeiro desafio após ter sido surpreendido pelo checo Jiri Vesely na abertura de sua campanha no Masters 1000 de Montecarlo.

Essa foi a quarta vitória em quatro jogos do líder do ranking mundial contra Bautista Agut, hoje o 17º colocado da ATP, que no ano passado chegou a ganhar um set do sérvio nas oitavas de final do US Open, Grand Slam realizado em Nova York.

Desta vez, porém, Djokovic não deu nenhuma chance ao espanhol. Além de confirmar todos os seus saques sem oferecer chances de quebra, ele converteu cinco de oito break points para encaminhar o seu triunfo rapidamente.

Com a nova vitória, o sérvio se credenciou para encarar nas quartas de final o ganhador da partida entre o francês Jo-Wilfried Tsonga e o canadense Milos Raonic, programada para acontecer também nesta quinta-feira.

Em outros dois duelos já encerrados neste dia de duelos na capital espanhola, o japonês Kei Nishikori e o checo Tomas Berdych também avançaram às quartas de final. Sexto cabeça de chave, o tenista asiático superou o francês Richard Gasquet, 12º colocado da ATP, por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/5. Já Berdych, oitavo pré-classificado, eliminou o espanhol David Ferrer, nono tenista do mundo, por 7/6 (10/8) e 7/5.

O próximo rival de Nishikori sairá do confronto entre o australiano Nick Kyrgios e o uruguaio Pablo Cuevas. Já o tenista checo terá pela frente o britânico Andy Murray, que no primeiro jogo do dia em Madri eliminou o francês Gilles Simon por 6/4 e 6/2.