28°
Máx
17°
Min

Em ascensão, Thiem entra no Top 15 do ranking; Bellucci perde 3 posições

(Foto: Divulgação)  - Em ascensão, Thiem entra no Top 15 do ranking; Bellucci perde 3 posições
(Foto: Divulgação)

Em ascensão no circuito profissional, o austríaco Dominic Thiem se tornou o novo membro do Top 15 na atualização desta segunda-feira do ranking da ATP. O tenista de 22 anos subiu para a 15ª colocação em razão da boa sequência recente, na qual foi campeão em Buenos Aires e semifinalista no Rio Open, na semana passada.

Mesmo derrotado pelo argentino Guido Pella na semifinal no Rio, Thiem ganhou quatro posições no ranking. Só não subiu tanto quanto o uruguaio Pablo Cuevas e o próprio Pella, os finalistas do Rio Open. Cuevas, que levou o troféu, ganhou 18 colocações, figurando agora em 27º. Pella subiu ainda mais, para 42º, galgando 29 posições.

No Top 10, não houve mudanças entre os cinco primeiros colocados. O espanhol David Ferrer, que caiu na semifinal e não defendeu o título no Rio, foi o único a perder posições na restrita lista. Caiu de sexto para o oitavo lugar. Assim, o japonês Kei Nishikori e o checo Tomas Berdych herdaram uma posição cada.

O sérvio Novak Djokovic continua liderando com ampla folga o ranking, com quase o dobro de pontos do escocês Andy Murray. O suíço Roger Federer é o terceiro, seguido do compatriota Stan Wawrinka, único dos quatro a entrar em quadra na semana passada - caiu nas quartas de final em Marselha.

Entre os brasileiros, Thomaz Bellucci perdeu três posições. Eliminado logo na estreia no Rio Open, ele aparece agora na 35ª colocação. João Souza, o Feijão, sofreu outra forte queda na lista da ATP. Derrotado na primeira rodada do qualifying, ele despencou 43 posições, para a 211ª colocação.

Rogério Dutra Silva segue como o número dois do País, em 114º. André Ghem é o 155º e Guilherme Clezar ocupa o 176º posto. Surpresa brasileira do Rio Open, Thiago Monteiro foi quem mais subiu na lista. Ganhou nada menos que 60 posições, figurando em 278º, após vencer sua primeira partida em uma chave principal de nível ATP. Ele bateu logo o francês Jo-Wilfried Tsonga, número nove do mundo, e foi eliminado na segunda rodada.

Confira a lista dos 20 primeiros colocados do ranking:

1º - Novak Djokovic (Sérvia), 16.790 pontos

2º - Andy Murray (Grã-Bretanha), 8.855

3º - Roger Federer (Suíça), 8.795

4º - Stanislas Wawrinka (Suíça), 5.870

5º - Rafa Nadal (Espanha), 4.880

6º - Kei Nishikori (Japão), 4.235

7º - Tomas Berdych (República Checa), 3.990

8º - David Ferrer (Espanha), 3.915

9º - Jo-Wilfried Tsonga (França), 2.950

10º - Richard Gasquet (França), 2.760

11º - John Isner (EUA), 2.585

12º - Marin Cilic (Croácia), 2.555

13º - Milos Raonic (Canadá), 2.450

14º - Kevin Anderson (África do Sul), 2.200

15º - Dominic Thiem (Áustria), 2.020

16º - David Goffin (Bélgica), 1.970

17º - Gael Monfils (França), 1.950

18º - Roberto Bautista (Espanha), 1.935

19º - Gilles Simon (França), 1.895

20º - Benoit Paire (França), 1.686

35º - Thomaz Bellucci (BRASIL), 1.200

114º - Rogério Dutra Silva (BRASIL), 510

155º - André Ghem (BRASIL), 385

176º - Guilherme Clezar (BRASIL), 317