23°
Máx
12°
Min

Kerber avança em 33 minutos após adversária desistir no US Open

A alemã Angelique Kerber não teve qualquer dificuldade para avançar à segunda fase do US Open, o último Grand Slam da temporada, disputado nos Estados Unidos. Nesta segunda-feira, em apenas 33 minutos, ela vencia a eslovena Polona Hercog, 120º do mundo, sem perder qualquer game - por 6/0 e 1/0 - quando a adversária desistiu do duelo.

Vice-líder do ranking e segunda cabeça de chave no US Open, a alemã está a menos de 200 pontos de Serena Williams e busca o posto de número 1. Neste ano, ela já conquistou o Aberto da Austrália e foi vice em Wimbledon - nas duas decisões, enfrentou a norte-americana.

E ao avançar em apenas 33 minutos, Kerber poupou energia para a segunda rodada, quando enfrenta a croata Mirjana Lucic-Baroni. Na estreia, ela superou a francesa Alizé Cornet por 6/4 e 6/1.

Sem dar chances a eslovena, Kerber iniciou em ritmo alucinante e logo venceu o primeiro set. No intervalo, sentido muito o calor, Hercog solicitou atendimento. Os médicos mediram sua pressão, colocaram gelo em suas pernas, mas não foi suficiente. Em sete games, ela venceu apenas nove pontos.

Outra favorita a vencer com facilidade foi a italiana Roberta Vinci, oitava do mundo e sétima cabeça de chave, ao despachar a alemã Anna-Lena Friedsam por 6/2 e 6/4. A também alemã Mona Barthel ou a norte americana será a sua próxima adversária.

Também sem perder sets, a checa Petra Kvitova superou Jelena Ostapenko, da Letônia, por 7/5 e 6/3. A 14ª favorita enfrenta agora a turca Cagla Buyukakcay, que atropelou a norte-americana Irina Falconi por 6/2 e 6/1.

Com um pouco mais de dificuldade, e de virada, a suíça Belinda Bencic também confirmou o favoritismo. Venceu a local Samantha Crawford por 2 sets a 1, com parciais de 6/7, 6/3 e 6/4, e enfrenta agora a alemã Andrea Petkovic, que superou a eslovaca Kristina Kucova por 2 a 0.

Ainda nesta segunda-feira, a ex-líder do ranking Caroline Wozniacki venceu a norte-americana Taylor Townsend por 2 sets a 1, enquanto a alemã Carina Witthoeft derrotou a japonesa Misaki Doi por 2 a 0.