22°
Máx
14°
Min

Melo decepciona e cai na estreia no US Open; Soares vence nas duplas mistas

(Foto: Divulgação)  - Melo decepciona e cai na estreia no US Open
(Foto: Divulgação)

De nada adiantou a boa fase vivida por Marcelo Melo e Ivan Dodig no circuito. Vindos dos títulos consecutivos dos Masters 1000 de Toronto e Cincinnati, brasileiro e croata foram derrotados logo na primeira rodada de duplas masculinas no US Open. Nesta quarta-feira, a dupla cabeça de chave número dois foi batida pelos locais Nicholas Monroe e Donald Young por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 7/6 (7/2).

Com a queda na estreia, eles repetiram a campanha do ano passado, quando levaram 2 sets a 1 do sueco Robert Lindstedt e do britânico Dominic Inglot. O revés desta quarta é mais doloroso porque Melo e Dodig chegaram a abrir 5/2 no set inicial. Eles caíram de rendimento e permitiram a virada na parcial, dando confiança aos rivais, que selaram a vitória em 1h38min de confronto.

A eliminação precoce acabou com as chances de Melo recuperar a liderança do ranking de duplas ao fim do US Open. Já Monroe e Young seguem vivos na chave, de olho na segunda rodada. Seus próximos adversários serão os sérvios Dusan Lajovic e Viktor Troicki.

Enquanto Melo surpreendia com a derrota inesperada, Bruno Soares faturava mais uma vitória em Nova York. Após estrear com triunfo nas duplas masculinas, mais cedo, ele e a casaque Yaroslava Shvedova venceram o paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi e a chinesa Yifan Xu por 2 a 0, com parciais de 6/4, 3/6 e 10/8.

SIMPLES - O canadense Milos Raonic protagonizou nesta quarta uma das maiores zebras da competição até agora. O vice-campeão de Wimbledon, quinto cabeça de chave do US Open, levou uma virada do local Ryan Harrison e se despediu na segunda rodada. O tenista da casa venceu por 3 sets a 1, com parciais de 6/7 (4/7), 7/5, 7/5 e 6/1.

Já os franceses Jo-Wilfried Tsonga e Gael Monfils, 9º e 10º cabeças de chave, confirmaram vaga na terceira rodada. Tsonga precisou de quatro sets para superar o australiano James Duckworth por 6/4, 3/6, 6/3 e 6/4, enquanto Monfils despachou o checo Jan Satral por 7/5, 6/4 e 6/3.

Na sequência, Monfils vai encarar o experiente espanhol Nicolas Almagro, que bateu nesta quarta o uruguaio Pablo Cuevas, 18º cabeça de chave, por 7/6 (7/5), 6/4 e 7/6 (11/9). Tsonga, por sua vez, enfrentará o sul-africano Kevin Anderson.

Sétimo pré-classificado, o croata Marin Cilic também espantou a zebra nesta quarta ao eliminar o ucraniano Sergiy Stakhovsky por 6/1, 6/2 e 6/3. Seu próximo adversário será o local Jack Sock, que derrotou o alemão Mischa Zverev por 6/1, 6/1 e 6/2.

Já o espanhol Albert Ramos e o francês Benoit Paire, ambos cabeças de chave, se despediram da chave de simples. Paire caiu diante do experiente cipriota Marcos Baghdatis por 6/2, 6/4, 3/6 e 6/4, enquanto Ramos foi batido pelo russo Andrey Kuznetsov por 7/5, 6/4 e 7/6 (7/5).

Outro a avançar nesta quarta foi o russo Mikhail Youzhny. Ao superar o argentino Guido Pella por 6/2, 6/1 e 7/6 (7/3), ele se credenciou para o confronto com o sérvio Novak Djokovic, número 1 do mundo, na terceira rodada.

RECORDE - Aos 37 anos, o croata Ivo Karlovic voltou a bater recorde em sua carreira. No triunfo sobre o taiwanês Yen-hsun Lu, por 4/6, 7/6 (7/4), 6/7 (4/7), 7/6 (7/5) e 7/5, o croata anotou nada menos que 61 aces. Trata-se do novo recorde de aces em uma mesma partida do US Open, superando os 49 do holandês Richard Krajicek, registrado em 1999.