21°
Máx
17°
Min

Monfils espanta fama de 'amarelão' e conquista primeiro ATP 500 da carreira

(Foto: Divulgação)  - Monfils espanta fama de 'amarelão' e conquista primeiro ATP 500
(Foto: Divulgação)

O francês Gael Monfils, 17.º colocado do ranking mundial, faturou neste domingo o seu principal título na carreira ao erguer o troféu do ATP 500 de Washington, nos Estados Unidos. A conquista veio com muito sofrimento e uma vitória de virada sobre o croata Ivo Karlovic, 35.º do mundo, por 2 sets a 1 - com parciais de 5/7, 7/6 (7/6) e 6/4.

Até então, o francês tinha fama de amarelar nas decisões. Perdeu 19 das 24 finais disputadas - oito das últimas nove. E todas as cinco conquistas vieram em torneios de nível 250. Com o título inédito, Monfils também desempatou o histórico de confrontos contra Karlovic e agora tem uma vantagem de 3 a 2. Foi o primeiro triunfo em quadra dura, pois os outros dois aconteceram no saibro.

O croata buscava o seu oitavo troféu na carreira e foi avassalador nos saques ao acertar 28 aces. Chegou a ter o jogo nas mãos. Depois de fechar o primeiro set em 7/5, sacou para garantir o troféu com 5 a 4. O francês renasceu das cinzas, quebrou o saque adversário e iniciou uma reação impressionante. Foi a primeira vez na carreira que Karlovic deixou escapar uma vitória sacando para o jogo.

Após 2 horas e 14 minutos de batalha, Monfils alcançou a vitória e conquistou o título inédito do ATP 500. Até então, ele havia vencido em Montpellier (2010 e 2014), Estocolmo (2013), Metz (2009) e Sopot (2005), todos ATP 250.

CROÁCIA - O italiano Fabio Fognini conquistou o ATP 250 de Umag, na Croácia, ao derrotar na decisão o eslovaco Andrej Martin por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 6/1. Foi o quarto troféu na carreira do tenista de 29 anos.

Mais experiente, com 11 finais disputadas, o italiano 39.º do ranking mundial precisou ter paciência para conseguir quebrar o serviço do eslovaco de 26 anos, apenas o 70.º do mundo. Em quatro tentativas, conseguiu apenas uma vez, mas foi o suficiente para fechar o primeiro set em 6/4. Na sequência, a partida ficou mais, o italiano quebrou o saque adversário mais duas vezes em duas tentativas e fechou o jogo em 1 hora e 8 minutos.