22°
Máx
17°
Min

Nadal e Wawrinka vencem e irão se encarar em Montecarlo; algoz de Djokovic cai

Dois dos principais favoritos ao título do Masters 1000 de Montecarlo, principalmente após a surpreendente eliminação de Novak Djokovic já em sua estreia, Rafael Nadal e Stan Wawrinka venceram seus jogos nesta quinta-feira e irão se enfrentar nas quartas de final da competição disputada em quadras de saibro.

Quinto cabeça de chave e oito vezes campeão no principado monegasco, o tenista espanhol avançou ao vencer o austríaco Dominic Thiem por 2 sets a 0, com parciais de 7/5 e 6/4. Já o suíço Wawrinka teve bem mais facilidade para ir às quartas. Ele arrasou o francês Gilles Simon por 6/1 e 6/2.

Será o 18º confronto entre Nadal, hoje quinto tenista do mundo, e Wawrinka, o quarto colocado da ATP, sendo que o espanhol tem ampla vantagem no retrospecto, com 14 vitórias e apenas três derrotas. O jogador da Espanha levou a melhor na última partida entre os dois, disputada no ATP Finals de 2015, em Londres. Naquele mesmo ano, porém, o suíço superou o rival por duas vezes, nos Masters 1000 de Paris e de Roma, este último em piso de saibro, especialidade do rival. Ainda na temporada passada, o ex-número 1 do mundo arrasou o compatriota de Roger Federer no Masters 1000 de Xangai.

Para Nadal, a vitória sobre Thiem, atual 14º colocado do ranking mundial, também foi uma espécie de vingança para o espanhol, que neste ano havia sido surpreendido pela promessa austríaca de 22 anos de idade na semifinal do Torneio de Buenos Aires, em piso de saibro como o de Montecarlo. Antes disso, no primeiro duelo entre os dois, Nadal arrasou o adversário na edição de 2014 de Roland Garros.

Neste desempate entre os dois, Nadal teve muitas dificuldades no primeiro set, no qual chegou a salvar nada menos do que 15 break points e teve o saque quebrado por uma vez por Thiem. Entretanto, ele converteu dois de cinco break points para assegurar a vantagem inicial de 7/5.

Já na segunda parcial o espanhol foi bem mais sólido no saque, embora tenha sofrido mais uma vez uma quebra de saque no único break point cedido ao rival. E, ao aproveitar duas chances de ganhar games no serviço do austríaco, aplicou o 6/3 que liquidou o confronto.

Wawrinka, por sua vez, precisou de apenas 1h22min em quadra para despachar o 18º colocado do ranking mundial. Ele sofreu uma única quebra de saque no jogo e converteu cinco de nove break points para seguir em frente em Montecarlo. Foi a sua quarta vitória em seis jogos contra Gilles Simon.

ALGOZ DE DJOKOVIC É ARRASADO - Surpreendente algoz de Novak Djokovic na estreia do líder do ranking mundial em Montecarlo, na última quarta-feira, o checo Jiri Vesely, atual 55º tenista do mundo, acabou sendo arrasado pelo francês Gael Monfils nas oitavas de final da competição, nesta quinta.

Cabeça de chave número 13 da competição e atual 16º colocado da ATP, Monfils venceu com parciais de 6/1 e 6/2, em apenas 67 minutos. Curiosamente, no único duelo anterior entre os dois, o checo surpreendeu o francês no Torneio de Wimbledon de 2014.

Com o triunfo sobre Vesely, Monfils se credenciou para encarar na próxima fase o vencedor do confronto entre o belga David Goffin e o espanhol Marcel Granollers, também programado para ser encerrado nesta quinta-feira.