22°
Máx
16°
Min

Nadal perde só 3 games em estreia e Murray conclui virada em 5 sets na França

Dois dos principais candidatos ao título de Roland Garros, Rafael Nadal e o britânico Andy Murray tiveram estreias bem diferentes no Grand Slam parisiense, embora ambos tenham triunfado. Enquanto o espanhol perdeu apenas três games nesta terça-feira, o britânico precisou de uma virada numa partida de cinco sets, que se iniciou na última segunda-feira, mas só foi concluída no dia seguinte.

Número 5 do mundo, Nadal massacrou o australiano Sam Groth, 100º colocado no ranking da ATP, com um triplo 6/1, obtendo a sua 199ª vitória nos torneios do Grand Slam. Conhecido pela potência do seu saque, Groth não conseguiu ameaçar Nadal, tendo dificuldades para colocar o seu primeiro serviço em quadra e cometendo erros básicos. Só no primeiro set, foram quatro duplas-faltas - ele fechou a partida com nove, além de ter feito dez aces, contra apenas um do espanhol.

Já Nadal teve uma atuação praticamente perfeita, tanto que só cometeu três erros não forçados, diante dos 28 do seu adversário, e ainda anotou um lindo ponto já no final da partida, uma passada na paralela de "grand-wily", algo raro e que, claro, levantou a torcida. Além disso, disparou 25 winners, sete a mais do que Groth.

No primeiro set, o australiano até confirmou o seu saque no game inicial do jogo, mas depois viu Nadal passear em quadra, aplicando 6/1. A segunda parcial teve rumo parecido, com Groth vencendo no seu game inicial de serviço - o segundo -, mas depois não conseguindo mais sustentar o seu saque.

Já no terceiro set, Nadal abriu 4/0 rapidamente, vencendo mais uma vez por 6/1. Agora o espanhol espera a definição do seu próximo rival em Paris, que vai sair do duelo entre o argentino Facundo Bagnis e o francês Kenny de Schepper.

MURRAY - Murray, por sua vez, concluiu a sua reação diante de Stepanek, de 37 anos, o tenista mais experiente da chave masculina de Roland Garros. Mesmo embalado pelo título do Masters 1000 de Roma, o número 2 do mundo sofreu para bater o hoje apenas 128º colocado no ranking, mas que já esteve no Top 10, por 3 sets a 2, com parciais de 3/6, 3/6, 6/0, 6/3 e 7/5.

O jogo foi retomado nesta terça-feira após ser paralisado no quarto set, quando Murray liderava o placar por 4/2. O britânico, então, fechou rapidamente a quarta parcial, forçando a realização do tie-break. A quinta parcial foi bastante equilibrada, com Stepanek começando sacando. E como veterano ia sempre confirmando o seu serviço, Murray era mais pressionado.

O número 2 do mundo, porém, soube lidar com a situação e conseguiu a quebra de saque decisiva no 11º game. Na sequência, confirmou o seu saque e aplicou 7/5, sendo bem-sucedido, apesar de todas as dificuldades, no seu jogo de estreia em Roland Garros. Agora, na segunda rodada, terá pela frente o francês Mathias Bourgue, o número 164 do mundo.

OUTROS JOGOS - O checo Tomas Berdych teve uma estreia fácil em Roland Garros. O número 8 do mundo avançou ao superar o canadense Vasek Pospisil, 46º colocado no ranking da ATP, por 3 sets a 0, com parciais de 6/3, 6/2 e 6/1. No duelo, o checo conseguiu 27 winners e conseguiu oito quebras de serviço, tendo perdido o seu saque apenas duas vezes. O seu próximo rival em Paris vai ser o tunisiano Malek Jaziri (72º), que aplicou 6/4, 3/6, 6/1 e 6/2 no alemão Florian Mayer.

O australiano Bernard Tomic, número 22 do mundo, superou o norte-americano Brian Baker (662º) por 6/3, 6/4 e 6/4, avançando para a segunda rodada, fase em que terá pela frente o croata Borna Coric (47º), que venceu o norte-americano Taylor Fritz (6/3, 6/1 e 6/3).

Também nesta terça-feira, o esloveno Aljaz Bedene, o dominicano Victor Estrella Burgos e o francês Lucas Pouille avançaram na estreia no Grand Slam parisiense.