22°
Máx
16°
Min

Puig volta a bater Kvitova e avança para encarar Radwanska nas quartas em Tóquio

(Foto: Rio 2016) - Puig volta a bater Kvitova e avança para encarar Radwanska
(Foto: Rio 2016)

Medalhista de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio, onde desbancou na decisão de simples feminina ninguém menos do que a alemã Angelique Kerber, nova líder do ranking mundial, Monica Puig voltou a fazer bonito nesta quarta-feira. A tenista porto-riquenha avançou às quartas de final do Torneio de Tóquio ao derrotar a checa Petra Kvitova, sétima cabeça de chave do evento de nível Premier do circuito profissional, por 2 sets a 1, de virada, com parciais de 1/6, 6/4 e 6/4.

Hoje na 33ª posição da ATP, Puig assim se credenciou para enfrentar na próxima fase a polonesa Agnieszka Radwanska, segunda pré-classificada, que em outro duelo do dia superou a checa Barbora Strycova com parciais de 6/3, 3/6 e 7/5.

No Rio, Puig fez história ao conquistar a primeira medalha de ouro de Porto Rico em uma edição da Olimpíada, sendo que até então a tenista tinha como seu outro único outro título o Torneio de Estrasburgo de 2014, na França. Até antes do feito de Puig, a nação da tenista tinha acumulava apenas oito medalhas na história olímpica, entre elas duas de prata e seis de bronze.

Naquela ocasião, Kerber ainda figurava como vice-líder do ranking mundial e foi surpreendida por uma adversária que em sua campanha passou, entre outras, por Garbiñe Muguruza e justamente por Petra Kvitova, esta derrotada nas semifinais pela porto-riquenha.

Neste novo encontro entre as duas tenistas, a atual 16ª colocada do ranking foi arrasadora no primeiro set ao confirmar todos os seus saques e aproveitar três de cinco chances de quebrar o serviço de Puig para fazer 6/1.

A partir da segunda parcial, porém, a jogadora de Porto Rico começou a reagir e mostrou muita força para seguir viva no duelo. Além de salvar cinco chances de quebra cedidas para a checa, ela converteu um de dois break points para aplicar o 6/4 que empatou a partida.

Já no terceiro set, Kvitova chegou a conseguir uma nova quebra de saque, mas a porto-riquenha converteu mais dois de cinco break points para repetir o 6/4 que concretizou a sua surpreendente virada. Essa foi, por sinal, a segunda vitória de Puig em dois jogos com Kvitova, que nos Jogos do Rio também caiu por 2 sets a 1 diante da adversária.

Outra duas tenistas que derrotaram favoritas e também avançaram às quartas de final em Tóquio nesta quinta-feira foram a dinamarquesa Caroline Wozniacki, ex-líder do ranking mundial, e a japonesa Naomi Osaka. A primeira delas, hoje na 28ª posição da WTA, surpreendeu a espanhola Carla Suárez Navarro, sétima cabeça de chave, com parciais de 7/6 (7/4), 4/6 e 6/4. Já a tenista da casa arrasou a eslovaca Dominika Cibulkova, sexta pré-classificada, por 6/2 e 6/1.

Assim, Wozniacki se credenciou para encarar na próxima fase a vencedora da partida entre a casaque Yulia Putintseva e a polonesa Magda Linette. Já Osaka terá pela frente nas quartas de final a ganhadora do confronto entre a checa Karolina Pliskova, terceira cabeça de chave, e a búlgara Aliaksandra Sasnovich.

Novamente derrotada por Puig, Kvitova ficou com a medalha de bronze nos Jogos do Rio, onde superou na disputa pela medalha a norte-americana Madison Keys.