24°
Máx
17°
Min

Schiavone bate norte-americana, fatura o Rio Open e acaba com jejum de 3 anos

(Foto: Divulgação)  - Schiavone bate norte-americana, fatura o Rio Open e acaba com jejum de 3 anos
(Foto: Divulgação)

A veterana italiana Francesca Schiavone está de volta à galeria de campeãs de torneios da WTA. Neste domingo, a tenista de 35 anos acabou com um jejum que já durava três anos sem qualquer conquista e faturou o título do Rio Open, disputado no Jockey Club Brasileiro. Ele veio de forma suada com uma vitória de virada sobre a norte-americana Shelby Rogers por 2 sets a 1 - com parciais de 2/6, 6/2 e 6/2, após 1 hora e 47 minutos.

Campeã de Roland Garros em 2010 - a sua maior conquista da carreira até agora -, Schiavone já chegou a ser a número 4 do mundo. Atualmente está na 132.ª colocação do ranking, mas deve subir bastante na atualização da WTA a ser anunciada nesta segunda-feira. A italiana, que levou uma premiação de US$ 43 mil (R$ 173 mil) e 280 pontos pelo título, vai voltar ao Top 100.

Em quadra, a norte-americana Shelby Rogers, por ser 12 anos mais jovem que Schiavone, parecia que iria dominar as ações da partida, disputada sob o calor do verão carioca - apesar do tempo nublado, a umidade era muito alta neste domingo. No primeiro set, a tenista dos Estados Unidos deslanchou a partir do quinto game com duas quebras e fácil vitória por 6/2.

O problema é que Shelby Rogers sentiu o cansaço dos jogos por toda a semana e seu desempenho caiu a partir do segundo set. Apesar de ter quebrado o saque de Schiavone logo no primeiro game, perdeu seu serviço três vezes em sequência e viu a italiana devolver o 6/2 para empatar a partida.

No terceiro e decisivo set, praticamente o mesmo roteiro. A diferença é que Shelby Rogers não obteve quebra. Schiavone conseguiu duas e conquistou o título no Rio.