22°
Máx
16°
Min

Serena avança à final e decidirá título de Roma em duelo norte-americano

Líder do ranking mundial, Serena Williams ainda segue em busca do seu primeiro título no ano. Neste sábado, ela deu um passo importante ao avançar à final do Torneio de Roma, jogado no saibro. No Foro Italico, sofreu no início, mas venceu a romena Irina-Camelia Begu por 2 sets a 0 (6/4 e 6/1), em menos de uma hora e meia de confronto.

A final na Itália será contra outra norte-americana, Madison Keys, que surpreendeu a espanhola Garbiñe Muguruza, cabeça de chave número 3, na outra semifinal. O jogo deveria acontecer também na quadra central, mas foi adiado devido às chuvas. Depois, acabou transferido para uma quadra secundária, chegando a ser paralisado pelo mau tempo. Nada que atrapalhasse Keys, que venceu por 7/6 (7/5) e 6/4.

A decisão de domingo será apenas o terceiro confronto entre Serena e Keys. As duas se enfrentaram em dois Grand Slams no ano passado: na semifinal do Aberto da Austrália e nas oitavas do US Open. Keys, 24.ª do ranking mundial, perdeu as duas. A jovem, de apenas 21 anos, aliás, vai atrás só do segundo título na carreira - venceu em Eastbourne, na Inglaterra, em 2014.

Já Serena está estacionada em 69 conquistas. Na atual temporada, perdeu as decisões do Aberto da Austrália (para a alemã Angelique Kerber) e de Indian Wells (da bielo-russa Victoria Azarenka). Sua última participação foi em Miami, em março, quando caiu diante da russa Svetlana Kuznetsova nas oitavas de final.

Recuperada de lesão, não vinha dando sopa para o azar em Roma. Neste sábado, contra Begu, 34.ª do mundo, começou mal o jogo. Nos oito primeiros games, sofreu duas quebras, chegando a salvar um triplo match-point no quarto game. Serena só deslanchou no fim, fechando em 6/4.

Logo no começo do segundo set, a líder do ranking mundial foi quebrada pela romena, que não chegou a se empolgar. Sofreu o troco logo em seguida e permitiu a Serena enfim jogar o que sabe. Rapidamente a norte-americana venceu seis games seguidos para fechar a partida.