23°
Máx
12°
Min

Thiago Monteiro bate argentino na França e conquista 1º título da carreira

O brasileiro Thiago Monteiro venceu o argentino Carlos Berlocq neste domingo por 2 sets a 1 - com parciais de 4/6, 6/4 e 6/1, em 1 hora e 57 minutos de jogo - e conquistou o título do Torneio de Aix en Provence, na França. Foi a primeira vez que o cearense de 21 anos se sagrou campeão de um torneio challenger.

Atual 189.º colocado do ranking da ATP, ele somará 110 pontos e alcançará um posto entre o Top 150 nesta segunda-feira. Entre os brasileiros, ele ficará atrás apenas de Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva. Na próxima semana, Thiago Monteiro disputa o challenger de Bordeaux, novamente na França, e faz a estreia contra o local Adrian Mannarino, 80.º do mundo. Na outra semana, jogará o qualifying de Roland Garros.

Com essa conquista, Monteiro vai construindo uma ótima temporada em 2016, já que somou vitórias expressivas em torneios ATP. No Rio Open, ele venceu o francês Jo-Wilfried Tsonga, antes de cair nas oitavas de final. Já no Brasil Open, em São Paulo, ele superou os espanhóis Nicolás Almagro e Daniel Muñoz e avançou até as quartas. Nas duas competições, foi eliminado pelo uruguaio Pablo Cuevas.

Com um início de jogo consistente, o brasileiro conseguiu abrir 4/1 no primeiro set. No entanto, Thiago Monteiro não conseguiu manter a constância e viu Carlos Berlocq vencer cinco games seguidos para vencer a parcial.

Já na sequência, o tenista cearense soube aproveitar os seus saques, cedendo apenas cinco pontos ao adversário no seus cinco games de serviço. A quebra do brasileiro veio com o placar em 5/4, após três set points.

No último set, o argentino de 33 anos não aguentou o ritmo pesado da partida. Após uma quebra para cada lado logo no início e Thiago Monteiro assumindo a ponta em 3/1, Carlos Berlocq pediu atendimento médico. Depois, o brasileiro conseguiu mais uma quebra de serviço e sacou para o título demonstrando nervosismo ao cometer uma dupla falta e um erro não forçado nos primeiros match points que teve. O terceiro, porém, ele não desperdiçou e garantiu o troféu em Aix en Provence.