22°
Máx
14°
Min

Wawrinka ultrapassa Federer e assume 3ª posição do ranking da ATP

Federer ocupa agora a quarta posição no ranking (Foto: Philip Hall/ usopen.org)  - Wawrinka ultrapassa Federer e assume 3ª posição do ranking da ATP
Federer ocupa agora a quarta posição no ranking (Foto: Philip Hall/ usopen.org)

Eliminado ainda nas oitavas de final do Masters 1000 de Cincinnati, o suíço Stan Wawrinka contou com a queda de seu compatriota Roger Federer para subir uma posição e atingir o terceiro posto do ranking da ATP, que continua sendo liderado pelo sérvio Novak Djokovic.

Na atualização divulgada nesta segunda-feira, Wawrinka até perdeu alguns pontos em relação à semana anterior - caiu de 5.070 para 4.980. Mas, como Federer tinha mais a defender - foi o campeão de Cincinnati em 2015 -, os dois compatriotas trocaram de posição. O ex-número 1 do mundo sofre com uma lesão no joelho e não jogará mais em 2016.

Outro tenista a conseguir boa ascensão foi Marin Cilic. Campeão do Masters 1000 de Cincinnati no domingo, após superar o britânico Andy Murray, o número 2 do mundo, na decisão, ele chegou aos 3.515 pontos, avançou cinco posições e alcançou a nona colocação.

Já Dimitrov, apesar de derrotado nas semifinais exatamente por Cilic, também tem o que comemorar: avançou dez posições e se tornou o 24º colocado, com 1.555 pontos. Destaque ainda para o australiano Bernard Tomic, quadrifinalista em Cincinnati, que subiu dois postos e alcançou o Top 20 - está em 19º.

Entre os brasileiros do Top 100, Thomaz Bellucci perdeu 40 pontos, caiu sete posições e foi para 62º, enquanto Thiago Monteiro se manteve em 99º. Rogério Dutra Silva e João Souza, por sua vez, perderam uma colocação e estão, respectivamente, em 109º e 119º.

Confira a classificação atualizada do ranking da ATP:

1º - Novak Djokovic (SER), 14.840 pontos

2º - Andy Murray (GBR), 9.305

3º - Stan Wawrinka (SUI), 4.980

4º - Roger Federer (SUI), 4.945

5º - Rafael Nadal (ESP), 4.850

6º - Milos Raonic (CAN), 4.805

7º - Kei Nishikori (JAP), 4.165

8º - Tomas Berdych (RCH), 3.570

9º - Marin Cilic (CRO), 3.515

10º - Dominic Thiem (AUT), 3.205

11º - Jo-Wilfried Tsonga (FRA), 2.895

12º - Gael Monfils (FRA), 2.835

13º - David Ferrer (ESP), 2.660

14º - David Goffin (BEL), 2.565

15º - Richard Gasquet (FRA), 2.185

16º - Nick Kyrgios (AUS), 2.060

17º - Roberto Bautista (ESP), 1.980

18º - Feliciano López (ESP), 1.840

19º - Bernard Tomic (AUS), 1.780

20º - Pablo Cuevas(URU), 1.745

62º - Thomaz Bellucci (BRA), 805

99º - Thiago Monteiro (BRA), 608

109º - Rogério Dutra Silva (BRA), 557

119º - João Souza (BRA), 511