27°
Máx
13°
Min

Wozniacki e Radwanska estreiam com vitória no Torneio de Pequim

Apesar do embalo recente, com semifinal no US Open e título em Tóquio, a dinamarquesa Caroline Wozniacki sofreu para vencer em sua estreia no Torneio de Pequim, na China, neste domingo. A ex-número 1 do mundo precisou de três sets para superar a norte-americana CoCo Vandeweghe com parciais de 6/1, 2/6 e 6/4.

Na segunda rodada, a tenista da Dinamarca terá pela frente a italiana Roberta Vinci, 13ª cabeça de chave, que avançou ao superar a local Zheng Saisai por 6/0, 3/6 e 6/3. Se confirmar o favoritismo, Wozniacki, que tenta se restabelecer no circuito, poderá cruzar com a polonesa Agnieszka Radwanska, atual número quatro do mundo.

As duas se enfrentaram recentemente, na semifinal do Torneio de Tóquio. Atual 22ª do ranking, a dinamarquesa levou a melhor e depois buscou o troféu. Para tentar a revanche, Radwanska terá que superar a russa Ekaterina Makarova na segunda rodada. Na primeira, neste domingo, ela despachou com facilidade a local Wang Qiang por duplo 6/2.

A britânica Johanna Konta e a norte-americana Madison Keys, outras duas candidatas ao título, também venceram na rodada de abertura. Konta, 11ª cabeça de chave, superou a letã Anastasija Sevastova por duplo 6/1, enquanto a oitava pré-classificada bateu a local Duan Yingying por 6/0, 4/6 e 6/1.

Mas a rodada também contou com eliminações inesperadas. As experientes Samantha Stosur, da Austrália, e Jelena Jankovic, da Sérvia, se despediram logo na estreia. Stosur caiu diante da local Zhang Shuai por 6/1 e 6/2. E a ex-número 1 do mundo foi eliminada pela francesa Kristina Mladenovic por 6/3, 5/7 e 7/6 (7/4).

A espanhola Carla Suárez Navarro e a russa Anastasia Pavlyuchenkova, também cabeças de chave, deixaram o torneio neste domingo. A primeira foi derrotada pela casaque Yaroslava Shvedova por 6/1 e 6/3. E a tenista da Rússia perdeu da americana Alison Riske por 7/6 (7/4) e 6/1.

Ainda neste domingo, avançaram na chave a japonesa Misaki Doi, a local Wang Yafan e a húngara Timea Babos.