27°
Máx
13°
Min

Brasil espera Sérvia 'muito forte' na Liga Mundial em jogo entre únicos invictos

A seleção brasileira masculina de vôlei volta à quadra nesta quinta-feira para um duelo que promete pegar fogo. O jogo contra a Sérvia, em Belgrado, na casa do rival, já prometia ser difícil. Após a primeira rodada da Liga Mundial, ganhou um charme a mais. Brasil e Sérvia são os únicos invictos do torneio e um deles vai perder esse status.

"Vimos a Sérvia fazendo três jogos muito fortes na primeira semana, ganhando da Rússia, da Polônia e da Bulgária por 3 a 0. Sabemos que eles vão vir muito forte, principalmente neste primeiro jogo. Estamos preparados para mais uma série pesada, contra equipes que sacam muito forte. Acho que essa semana vai ter até mais complicada do que a que tivemos em casa", opina Lipe, da seleção brasileira.

Se na primeira semana o Brasil ganhou de Irã, Argentina e EUA, agora terá pela frente Sérvia, Bulgária e, novamente, o Irã. "Agora temos que dar continuidade a um trabalho que começou muito bem. Estamos treinando realmente bem e o grupo se conhece de uma maneira que ajuda bastante. A evolução vem em longo prazo e estamos neste momento", diz o ponteiro.

Bernardinho levou a Belgrado um elenco com 15 jogadores, dos quais 14 podem ser inscritos para a rodada de jogos. Desses, 12 irão à Olimpíada. O elenco tem os levantadores Bruninho e William, os opostos Wallace e Evandro, os centrais Lucão, Éder, Isac e Maurício Souza, os ponteiros Murilo, Lipe, Lucarelli, Maurício Borges e Douglas, e os líberos Serginho e Tiago Brendle.