22°
Máx
14°
Min

Brasil se recupera de derrota e vence o Irã na Liga Mundial

A seleção brasileira se recuperou nesta sexta-feira da derrota para a Sérvia no dia anterior e voltou a vencer na Liga Mundial ao derrotar o Irã por 3 sets a 1, com parciais 25/18, 24/26, 25/16 e 25/17, em 1 hora e 58 minutos, em Belgrado.

O Brasil chegou para a etapa da Sérvia embalado pelas três vitórias na semana anterior, no Rio, mas tropeçou logo no seu primeiro jogo, diante da equipe anfitriã. Nesta sexta-feira, porém, se recuperou ao bater o Irã. Agora, neste sábado vai buscar a quinta vitória na sua sexta partida na competição, dessa vez diante da Bulgária, às 11 horas (de Brasília).

O Irã, aliás, havia sido o adversário de estreia do Brasil na Liga Mundial, quando a equipe dirigida por Bernardinho triunfou por 3 sets a 0. Dessa vez, a seleção perdeu uma parcial, a segunda do jogo, mas assegurou o seu triunfo sem maiores sustos.

Na próxima semana, o Brasil vai jogar na terceira semana da Liga Mundial em Nancy, diante de Polônia, Bélgica e da anfitriã França. A fase final, que envolverá as cinco melhores equipes da fase de classificação e a anfitriã Polônia, está marcada para a Cracóvia, entre 13 e 17 de julho.

O JOGO - Nesta sexta-feira, Bernardinho escalou o Brasil com Bruninho, Lucão, Isac, Wallace, Lucarelli e Maurício Borges, além do líbero Tiago Brendle, dando descanso a Serginho, que só participou de uma parte do primeiro set. Além disso, Evandro, Willliam e Maurício Souza também foram aproveitados durante o duelo.

Wallace foi o principal destaque do Brasil na partida ao marcar 17 pontos, contra os 16 de Maurício Borges e os 15 de Lucarelli. Com 13 pontos, Mohammadjavad Manavinezhad foi o destaque iraniano.

O Brasil não teve muitas dificuldades para triunfar no primeiro set. A equipe deslanchou no placar em uma das passagens de Lucarelli pelo saque, quando a seleção fez quatro pontos seguidos, abrindo 14/9. Assim, só precisou administrar a vantagem para fechar o placar em 25/18.

No segundo set, porém, o Irã ofereceu bem mais dificuldades. Com bom desempenho no bloqueio, a equipe asiática ficou perto da vitória ao abrir 20/15. O Brasil tentou reagir, diminuiu a vantagem iraniana para 21/20, igualou o placar em 23/23, mas acabou sendo superado por 26/24.

Com o jogo empatado, o Brasil até começou melhor o terceiro set, mas viu o Irã reagir e igualar o placar em 9/9. Mas durou pouco tempo o equilíbrio, com o Brasil conseguindo vantagem confortável com jogadas aceleradas, o que levou a equipe a vencer a parcial por 25/16.

O quarto set foi parecido ao terceiro, com domínio brasileiro. A equipe dirigida por Bernardinho encaminhou a sua vitória ao ir ao segundo tempo técnico vencendo por 16/9. Os iranianos tentaram reagir, mas não tiveram forças para impedir o triunfo por 25/17 do Brasil, que assim fechou o jogo em 3 sets a 1, se recuperando da derrota para a Sérvia.